Menu
Busca domingo, 20 de outubro de 2019
(63) 99292-6165
Araguaína
34ºmax
21ºmin
Assembleia Legislativa - Emendas para saúde
COLUNA

Opinião Formada

ELEIÇÕES UVT

Para Gideon, novo presidente da UVT terá que fazer parceria com o Governo

08 fevereiro 2011 - 20h36

Da Redação
 

No próximo dia 28 de fevereiro acontecerá a eleição da União dos Vereadores do Tocantins (UVT) e o atual presidente da entidade, vereador de Araguaína Gideon Soares (PMDB), entregará o cargo, o qual exerceu durante os dois últimos anos.




Em entrevista ao Portal O Norte, Gideon Soares, faz uma rápida análise do seu trabalho frente à instituição e fala sobre as expectativas sobre a próxima Diretoria que será empossada no dia 1º de abril.

Questionado a respeito das conquistas realizadas pela UVT em sua gestão, Gideon explica de tentou de uma forma simplificada cumprir as metas através de parcerias, dentre elas, o carro-chefe da instituição, o Governo do Estado.

Sobre a Gestão na UVT
Eleito em 2009, como representante dos vereadores do Tocantins, Gideon reconhece que teve bastante apoio do seu aliado político, o então governador Marcelo Miranda (PMDB), no entanto, ainda em seu primeiro ano de mandato, Miranda foi cassado tendo como sucessor com um mandato tampão, o deputado estadual também peemidebista, Carlos Henrique Gaguim: “Com a saída de Marcelo, deixei de lado a realização de sonhos, porque não tivemos a mesma contribuição do então governador Carlos Gaguim para a realização de projetos da UVT como a construção da Sede da entidade e a realização de importantes palestras voltadas para o público Legislativo Municipal do Estado”, explica.

Apesar da dificuldade em conseguir apoio para determinados projetos da UVT, Gideon esclarece que dentro das possibilidades, muito se foi feito em prol dos vereadores do Estado. “Durante o nosso mandato, conseguimos amparar de forma logística os vereadores, no que diz respeitoa viagens e hospedagens na capital, Palmas, por exemplo. Procuramos priorizar esse atendimento aos vereadores e sabendo das dificuldades financeiras, principalmente das Câmaras menores, o veículo da UVT, mesmo em péssimas condições, conduzia até as secretarias, os vereadores que não tinham veículos próprios”.

Eleições 2011
Ainda em entrevista, o vereador apresenta os possíveis nomes que concorrerão ao cargo de presidente da instituição. De acordo com Gideon, são pré-candidatos, o vereador de Ipueiras, região sul do Estado, Everly Póvoas (PSDB) que apoiou o candidato derrotado nas últimas eleições para Governo do Estado, Carlos Gaguim e o vereador Ivaldo Barros(PV)de Angico, localizado no extremo Norte do Tocantins.


Segundo Gideon Soares, ainda ontem, 7, os dois vereadores estavam reunidos em Palmas para discutir uma possível candidatura única a qual ele acredita ser uma decisão coerente a ser tomada: “Torço que a decisão seja por uma chapa única, pois acredito que isso seja salutar hoje para a UVT, inclusive o regimento nos permite que o candidato escolhido possa ser eleito por aclamação. Isso evita até mesmo despesas dos vereadores de municípios longínquos relacionadas a combustível, hospedagem e etc.”, argumenta o presidente.

Finalizando a entrevista, o presidente observa ser importante a busca da entidade por parcerias com o Governo do Estado, independente de partidos, mas acredita que o candidato escolhido possa ser aliado político do atual Governo. “Uma parceria com o Governo do Estado neste momento é muito importante e quero deixar claro que estou falando com um discurso visando o bem da entidade, para que o próximo gestor possa dar prosseguimento a projetos, como a construção da Sede própria da UVT”, e finaliza dizendo que “Independente do candidato que for eleito, acredito que ele dará o reconhecimento e suporte merecido à classe”.



AO VIVO