Menu
Busca sexta, 04 de dezembro de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
34ºmax
23ºmin
ENSINO SUPERIOR

Por que escolher a Argentina para a graduação no ensino superior?

04 novembro 2020 - 15h18Por Redação

O segundo maior país da América do Sul e o oitavo maior do mundo em área territorial, a Argentina tem algo a oferecer para todos – cenas de arte, vida noturna, natureza ou cultura, a Argentina tem de tudo. Além de seus centros urbanos animados e vibrantes e sua incrível beleza natural, o país também emergiu como um destino universitário fascinante para estudantes estrangeiros. Um país multicultural com várias cidades e lugares para estudar e visitar, a Argentina tem visto um rápido influxo de alunos internacionais nos últimos anos em suas renomadas instituições de ensino superior.

Com uma das taxas de alfabetização mais altas do mundo, a Argentina é o lar de muitos escritores, artistas, cientistas e acadêmicos famosos. Todos os anos, cerca de 90 mil estudantes internacionais buscam o país sul-americano, com grande parte desses estudantes vindos do Brasil, principalmente para cursar a faculdade de medicina.

Quais as vantagens de fazer a faculdade na Argentina? 

Para alunos que sonham em estudar medicina e acabam optando por estudar no exterior, não poderia haver país mais atraente e acolhedor do que a Argentina. A seguir estão alguns motivos pelos quais os estudantes devem considerar a Argentina como destino universitário:

Aprender um novo idioma. 

O espanhol é a língua oficial na Argentina e o meio de instrução em todas as universidades. A Argentina é famosa por seu dialeto único do espanhol – castelhano. Depois de aprender este dialeto desafiador, todas as outras formas de espanhol serão muito fáceis de compreender, inclusive em outros países da América Latina e na Espanha. 

Educação de qualidade.

O padrão da educação na Argentina é excelente, com uma ampla gama de disciplinas e cursos oferecidos pelas instituições de ensino superior do país. Todas as instituições de ensino superior na Argentina são avaliadas em intervalos regulares pela Comissão Nacional de Avaliação e Acreditação Universitária (CONEAU) e administradas e supervisionadas pelo Ministério da Educação.

Baixo custo de vida e taxa de matrícula.

As universidades públicas nacionais na Argentina não cobram taxa de matrícula para estudos de graduação e, embora as universidades privadas cobrem um valor de matrícula, essas taxas são significativamente mais baixas do que em outros países, principalmente no Brasil. Em comparação com a maioria dos países da América do Norte e da Europa, o custo de vida para os universitários também é muito mais barato, compensando a escolha do intercâmbio educacional na Argentina.
 

Cultura e turismo atraentes.

A Argentina possui uma grande diversidade de climas e paisagens. Da urbanidade e vida vibrante de suas cidades à tranquilidade pacífica de seu campo, há muito para explorar e desfrutar para um estudante internacional na Argentina.

Algumas das principais universidades da Argentina
Com 15 instituições presentes no QS World University Rankings 2020,  a Argentina é um dos centros de ensino universitário de maior reconhecimento mundial. Abaixo estão algumas das melhores universidades da Argentina:
 

Universidade Federal de Buenos Aires 

A maior universidade da Argentina, a Universidade de Buenos Aires é também a universidade com melhor classificação do país. A UBA ficou em 74º lugar no QS World University Rankings e em 1º lugar no QS Latin America University Rankings deste ano.

Universidade Nacional de Córdoba

A Universidade Nacional de Córdoba (UNC) é a instituição mais antiga da Argentina, datada de 1613, e também a segunda maior universidade do país. Está situada na cidade de Córdoba, a segunda maior do país e que abriga seis universidades. Além disso, é uma região muito receptiva para os alunos.
 

Universidade Austral

Fundada em 1979, a Universidade Austral é uma instituição católica privada famosa por ter um dos melhores cursos de medicina da Argentina. A Austral está classificada atualmente em 443º. lugar entre as melhores universidades do mundo, segundo o QS 2021, que já foi divulgado.

Como não existe um órgão central de admissão para as universidades argentinas, os candidatos pretendentes à formação no país devem se inscrever diretamente na universidade de sua escolha. Os estudantes devem apresentar seus certificados escolares e outros documentos que a instituição possa exigir. 


A Universidade de Buenos Aires, por exemplo, oferece bolsas de estudo com base na necessidade financeira, extensivas para estudantes estrangeiros. Além disso, há muitas bolsas de estudo específicas para programas educacionais, inclusive para aprendizado do idioma espanhol, que os alunos podem aproveitar para estudar a língua ou outras disciplinas do interesse.

AO VIVO