Menu
Busca sábado, 25 de setembro de 2021
(63) 99958-5851
Araguaína
35ºmax
23ºmin
NO TOCANTINS

Criança é abusada dentro de casinha de cachorro; mãe denuncia e estuprador acaba preso

01 setembro 2021 - 09h55Por Secom

Policiais Civis de Colméia, comandados pelo delegado-chefe da unidade, João Luís Jucá, efetuaram na tarde desta terça-feira, 31, a prisão de um homem de 26 anos, suspeito de estuprar uma criança de apenas três anos de idade. 

Conforme apontaram as investigações, o suspeito frequentava a casa da vítima e era amigo dos familiares da criança. No dia 12 de março, em uma reunião familiar, o investigado, que também estava presente, aproveitou-se de um momento em que a mãe não observava o menor e o levou até a casinha do cachorro, onde praticou sexo oral na criança.

Após o ato, a mãe do menor percebeu o momento em que o suspeito saiu às pressas da casinha do cachorro e logo depois seu filho também saiu do local. Momentos depois, a mãe observou que o órgão genital da criança estava inchado e com ferimentos, fruto da ação criminosa do suspeito.

A mulher então procurou a polícia e denunciou o caso que passou a ser investigado pela Polícia Civil onde foi descoberto a autoria dos fatos. A criança foi submetida a exames periciais que constataram as lesões sofridas. 

 O homem capturado foi conduzido até a sede da 45ª DP, ouvido pela autoridade policial e, em seguida, recolhido à carceragem da Cadeia Pública de Colméia, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

Outro caso

Também nesta terça-feira, 31, as equipes da 45ª DP, com apoio de agentes da 43ª Delegacia já haviam efetuado o cumprimento de um mandado de prisão, em desfavor de um homem de 40 anos, que era foragido da Justiça da Comarca de Campinorte-GO e foi capturado pela PC-TO, em Pequizeiro.

Segundo o delegado João Luís Jucá, o homem é condenado da justiça goiana por roubo à mão armada na cidade de Campinorte e havia fugido para o Tocantins, onde estava residindo atualmente. Ele foi conduzido à Central de Atendimento da Polícia Civil, em Guaraí e, após a realização dos procedimentos legais cabíveis, recolhido à Casa de Prisão Provisória da cidade, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário de Campinorte.

AO VIVO