Menu
Busca quarta, 08 de dezembro de 2021
(63) 99958-5851
Araguaína
30ºmax
23ºmin
INVESTIGAÇÃO

Jovem de 18 anos é ameaçado e estuprado após saída de festa; polícia prende suspeitos

23 outubro 2021 - 20h30

Dois homens, com idades de 19 e 20 anos, suspeitos pela prática de estupro foram presos pela Polícia Civil, por meio de ação realizada na última quinta-feira, dia 21, por policiais civis da 20ª Delegacia de Tocantinópolis. Comandada pelo delegado-chefe da unidade, Tiago Daniel de Morais, as prisões foram efetuadas, mediante cumprimentos a mandados de prisões temporárias, expedidos pelo Poder Judiciário da Comarca local, após representação da autoridade policial.

De acordo com o delegado, os dois indivíduos teriam praticado um estupro contra um jovem de 18 anos, na saída de uma festa no final do mês de setembro na cidade de Tocantinópolis. Durante a prática do crime hediondo, os autores, que estavam na companhia de um adolescente, utilizaram uma faca para render o rapaz e o levar para uma residência de uma parente de um deles, onde os estupros teriam sido consumados.

“Conforme apontaram as investigações da Polícia Civil, por volta das 3h da madrugada do dia dos fatos, a vítima estava saindo de uma festa, onde os três supostos autores também estavam. Nesse momento, segundo depoimento da vítima, os três homens se aproximaram e, sob a ameaça de uma faca, levaram o rapaz para uma residência, onde abusaram sexualmente do mesmo”, disse o delegado.

Após ser liberado pelo grupo, por volta das 6h, a vítima procurou a delegacia e relatou os fatos. “De imediato, devido a gravidade dos fatos, iniciamos as investigações e instauramos inquérito para apurar as circunstâncias do crime”, disse o delegado.

Em pouco tempo de investigações, os investigadores da 20ª DP, elucidaram os fatos e reuniram fortes indícios da participação dos três suspeitos no crime. Desse modo, a autoridade policial representou pelas prisões dos dois maiores, as quais foram deferidas e cumpridas, nesta quinta-feira.

Os dois homens foram ouvidos na sede da 20ª DP e, logo em seguida, recolhidos à Unidade Penal de Tocantinópolis, onde permanecerão à disposição do Poder Judiciário. As investigações continuam para que a PC possa apurar todas as circunstâncias do crime. O menor está sendo investigado em procedimento em separado conduzido pela DEAMV de Tocantinópolis.

AO VIVO