Menu
Busca sexta, 05 de março de 2021
(63) 99958-5851
Araguaína
31ºmax
22ºmin
LUTO

Lideranças lamentam acidente aéreo com piloto, empresário e jogadores do Palmas

25 janeiro 2021 - 14h23Por Redação

O acidente aéreo com parte da delegação do Palmas Futebol e Regatas causou comoção no Tocantins neste domingo (24). Lideranças tocantinenses reagiram à tragédia que tirou a vida de seis pessoas. 

Além do piloto do avião, quatro jogadores e o presidente do clube morreram na tragédia. O acidente foi numa pista de pouso particular em Luzimangues, distrito de Porto Nacional.

Estavam à bordo os atletas Lucas Praxedes, Guilherme Noé, Ranule e Marcus Molinari. Além dos quatro, o presidente Lucas Meira embarcou na aeronade pilotada pelo comandante, Wagner Machado.

Os quatro atletas eram recém-chegados ao clube, nenhum deles havia estreado ainda. O Palmas informou que eles estavam viajando no voo particular porque tinham testado positivo para a Covid-19, mas estava no fim do período de isolamento que encerraria nesse domingo. Todos foram contratados em 2021. Dois deles tinham 23 anos de idade e o mais velho 28. Também jovem, o presidente do clube tinha 32 anos.

Confira as manifestações de pesar emitida por lideranças do Estado.


Com profunda tristeza, recebi a notícia trágica do acidente aéreo que ceifou a vida do presidente do Palmas Futebol e Regatas, Lucas Meira; dos atletas Lucas Praxedes, Guilherme Noé, Ranule, Marcus Molinari e ainda do piloto, comandante Wagner, ocorrido na manhã deste domingo, 24. 

Neste momento de luto e tristeza, rogo ao Espírito Santo de Deus que console os corações dos familiares, amigos e de toda a comunidade esportiva de Palmas e de todo o Tocantins, que certamente sentem a partida trágica dessas vidas. A todos, os meus sentimentos e orações.

Mauro Carlesse

Governador do Estado do Tocantins


Foi com profunda tristeza que recebi a notícia do trágico acidente aéreo que vitimou o presidente do Palmas Futebol e Regatas Club, Lucas Meira, os atletas Lucas Praxedes, Guilherme Noé, Ranule, Marcus Molinari e o piloto comandante Wagner, ocorrido na manhã deste domingo, 24.

Fomos todos surpreendidos pela notícia trágica do acidente que levava sonhos e muito orgulho, não só dos Palmenses mas de todo o Tocantins.

Consternado com tamanha tragédia, envio muita força aos familiares e amigos de Lucas Meira, dos jogadores e do piloto. Neste momento de tamanha dor e tristeza, peço a Deus que conforte o coração de todos que se encontram acometidos pela dor da perda, dando-lhes forças para superarem este momento difícil e para conviverem com tamanha saudade.

Wanderlei Barbosa

Vice-governador do Tocantins


O presidente da Assembleia Legislativa, Antonio Andrade,  lamenta a morte do empresário Lucas Meira, do comandante Wagner e dos atletas Lucas Praxedes, Guilherme Noé, Ranule e Marcus Molinari,  que faleceram  em acidente de avião, logo após decolarem de Palmas, na manhã deste domingo, 24. 

"O Tocantins está de luto. O futebol tocantinense perde profissionais em formação, que acreditavam na transformação humanitária pelo esporte e que defendiam o nosso estado por meio do Palmas. Em nome dos parlamentares estaduais, me solidarizo com parentes e amigos dos falecidos". 

Neste momento de dor e tristeza, registramos nosso apoio e sentimentos de pesar.

Antonio Andrade,

Presidente da Assembleia Legislativa do Tocantins


 

Em solidariedade ao esporte tocantinense, foi com muita tristeza que recebi a notícia da queda do avião que transportava parte da delegação do Palmas Futebol e Regatas, time da Série D, neste domingo, 24, no distrito de Luzimangues em Porto Nacional.  O esporte tocantinense perde grandes heróis. Manifesto solidariedade aos familiares das vítimas e aos amigos das vítimas.

Perdemos quatro jovens atletas, que tinham sonhos, o piloto e o presidente do time. Morreram Lucas Praxedes, 23, Guilherme Noé, 28, Ranule, 27 e Marcus Molinari, 23, o piloto comandante Wagner Machado, 59, e o presidente da agremiação, Lucas Meira, de 32 anos. A equipe enfrentaria o Vila Nova pela Copa Verde em Goiânia.

O presidente do Palmas, Lucas Meira, foi meu colega de partido pelo Democratas, e hoje perdemos um grande companheiro.

Eduardo Siqueira Campos

Deputado Estadual


O prefeito de Paraíso Celso Morais, a vice-prefeita Raquel Ogawa e o secretário Municipal de Esporte Osmarivan Moreira lamentam profundamente o falecimento de quatro atletas do Palmas Futebol e Regatas, Guilherme Noé, Lucas Praxedes, Marcus Molinari e Ranule, do presidente da equipe, Lucas Meira, e do comandante da aeronave, Wagner, vítimas de um acidente aéreo.

A gestão Municipal deseja força aos familiares, amigos, colegas de time e torcedores neste momento de tristeza. Que Deus conforte o coração de todos!

Celso Morais,

Prefeito de Paraíso do Tocantins


Consternados, recebemos neste domingo, 24, a notícia do falecimento do presidente do Palmas Futebol e Regatas, Lucas Meira, dos atletas Lucas Praxedes, Guilherme Noé, Ranule e Marcus Molinari, e do comandante Wagner, em trágico acidente aéreo.

Neste momento tão doloroso, rogamos a Deus para que dê forças aos familiares e amigos, para que tenham como lenitivo a esperança da ressurreição.

(Disse Jesus) "Vinde a mim, vós todos que estais aflitos sob o fardo, e eu vos aliviarei. Tomai meu jugo sobre vós e recebei minha doutrina, porque eu sou manso e humilde de coração e achareis o repouso para as vossas almas". Mateus 11:28,29.

Lázaro Botelho e Valderez Castelo Branco


É com imenso pesar que recebo a trágica notícia de falecimento de parte da equipe do Palmas Futebol e Regatas neste domingo, 24, por acidente de avião no distrito de Luzimangues (Porto Nacional). O terrível acidente vitimou o presidente do clube, Lucas Meira, e os jogadores Lucas Praxedes, Guilherme Noé, Ranule e Marcus Molinari, além do piloto da aeronave, o comandante Wagner Machado.

Jovens atletas que tiveram seus sonhos interrompidos. Neste momento de dor, rogo a Deus para que conforte os corações dos familiares. Meus sinceros sentimentos.

Lúcio Campelo e Família

Ex-vereador de Palmas


Com pesar, recebi a notícia do trágico acidente que tirou a vida do presidente do Palmas Futebol e Regatas, Lucas Meira, dos atletas Lucas Praxedes, Guilherme Noé, Ranule e Marcus Molinari, e do piloto Comandante Wagner. 

Uma tragédia desta natureza abala famílias, amigos e toda a comunidade esportiva.  Sem dúvida, representa grande perda para o esporte tocantinense. 

Neste momento de dor, nos solidarizamos com todos que sofrem pela perda de seus entes queridos e rogamos ao Pai Celestial que traga o conforto necessário para que esta dor seja superada. 

Adriana Aguiar
Secretária de Estado da Educação, Juventude e Esportes


A Polícia Militar do Estado do Tocantins, através do seu Grupamento Aéreo CIOA-PMTO lamenta profundamente o acidente aeronáutico ocorrido nas proximidades desta Capital Palmas-TO, nesta manhã de domingo, 24 de janeiro de 2021, evento trágico que vitimou seis pessoas, nossos sentimentos e condolências a todos os familiares e amigos das vítimas deste lamentável e trágico acidente.

Equipes da PMTO e do CIOA-PMTO ajudam neste momento no isolamento do local do acidente visando proteger os vestígios e garantir o apoio às autoridades aeronáuticas para a devida investigação deste evento, bem como, todo apoio aos envolvidos.

PMTO


Com muita tristeza fui surpreendido pela trágica notícia do acidente com o avião que transportava os atletas do Palmas Futebol e Regatas, Guilherme Noé, Ranule, Lucas Praxedes, Marcus Molinari; o presidente do time, Lucas Meira; além do piloto da aeronave, comandante Wagner, ocorrido na manhã deste domingo, 24, causando a morte prematura destes. 

Além dos familiares e amigos, toda a comunidade esportiva tocantinense, de todas as modalidades, se entristece neste momento de luto e tristeza. Peço ao eterno Deus que, de alguma, conforte os corações dos familiares, amigos e atletas tocantinenses que sentem este momento de luto.

Rolf Costa Vidal
Secretário-chefe da Casa Civil do Estado do Tocantins


Foi com grande tristeza que recebi a notícia do acidente aéreo com membros da delegação do Palmas Futebol e Regatas, ocorrido na manhã deste domingo, 24, no distrito de Luzimangues, em Porto Nacional.

Na tragédia, morreram o piloto, Wagner Machado, o presidente do Palmas, Lucas Meira, e quatro jogadores do clube, Lucas Praxedes, Guilherme Noé, Ranule e Marcus Molinari. 

Neste momento de dor e consternação, manifesto minha solidariedade aos familiares e amigos das vítimas, rogando a Deus para que conforte o coração de todos. 

Elenil da Penha
Deputado estadual


O esporte do Tocantins está em luto com a morte trágica do presidente do Palmas Futebol e Regatas, Lucas Meira, 32 anos, e mais quatro jogadores: Lucas Praxedes, 23 anos, Guilherme Noé, 28 anos, Ranule, 27 anos e Marcus Molinari, 23 anos, além do piloto da aeronave Comandante Wagner. Os seis foram vítimas de acidente aéreo, ocorrido na manhã deste domingo, dia 24.

Com muito pesar recebi essa lamentável notícia que pegou a todos de surpresa, deixando um lastro de tristeza e comoção. O grupo havia decolado de um bimotor da Associação Tocantinense de Aviação (ATA), em Luzimangues, que pegou fogo vindo a cair ao final da pista, sem que houvesse sobreviventes. O avião deveria pousar em Goiânia-GO, onde na segunda-feira, dia 25, os atletas disputariam uma partida contra o Vila Nova, pela Copa Verde.

O Tocantins perde um empresário aguerrido e realizador e quatro jovens com muitos sonhos e conquistas pela frente. Neste momento de profunda dor das famílias das seis vítimas, deixo meus sinceros votos de fé e força para superar a angústia dessa dolorosa perda.

Além de presidir o Palmas Futebol e Regatas, Lucas Meira era dono da Renapsi, empresa que dava oportunidade aos jovens da Capital para conseguir o primeiro emprego e chegou a ser candidato a vice-prefeito, na chapa da prefeita Cinthia Ribeiro, nas eleições de 2020.

Rogo a Deus que conceda conforto a todos os corações que estão de luto neste momento, familiares e amigos das vítimas, devido à esta fatalidade.

Jair Farias

Deputado Estadual


Infelizmente, tomei conhecimento do trágico acidente aéreo que matou o presidente do Palmas Futebol e Regatas, Lucas Meira, os jogadores do clube Lucas Praxedes, Guilherme Noé, Ranule e Marcus Molinari, além do comandante da aeronave Wagner. O acidente ocorreu na manhã deste domingo, 24 de janeiro, logo após a decolagem do avião que levava a comitiva para a partida contra o Vila Nova, em Goiânia, pela Copa Verde.

Essa terrível fatalidade interrompeu sonhos de jovens atletas, dizimou famílias e provocou dor em toda a comunidade esportiva do Tocantins e do Brasil.

O Tocantins também perde um empresário determinado, amante do futebol e pessoa que sempre atuou na formação profissional de jovens. Lucas Meira tocava um projeto de reconstrução do Palmas Futebol e Regatas e sua partida é uma grande perda para a Capital. Além do mais, lamento muito o falecimento do piloto Wagner.

Neste momento de profunda dor e consternação de todos os familiares e amigos das vítimas, deixo meus mais sinceros votos de força.

Que Deus, na sua infinita misericórdia, possa confortar todos os corações.

Tiago Dimas

Deputado federal



É com imenso pesar que a Prefeitura de Araguaína recebe a notícia do falecimento de parte da equipe do Palmas Futebol e Regatas causado pelo acidente aéreo ocorrido na manhã deste domingo, 24,  no distrito de Luzimangues, em Porto Nacional (TO). Na aeronave que caiu pouco depois de decolar da pista da Associação Tocantinense de Aviação, estavam o presidente do clube, Lucas Meira, e quatro jogadores, os atletas Lucas Praxedes, Guilherme Noé, Ranule e Marcus Molinari, além do piloto da aeronave, comandante Wagner.

A equipe enfrentaria o Vila Nova pela Copa Verde em Goiânia nesta segunda-feira, 25, e sempre foi referência e motivo de orgulho para o esporte tocantinense. 

Nossos sinceros sentimentos a todos os familiares e amigos, que Deus possa confortar e dar forças neste momento doloroso.

Wagner Rodrigues Barros
Prefeito de Araguaína


Foi com grande pesar que recebi a notícia do falecimento do jovem empresário Lucas Moreira, presidente do Palmas Futebol e Regatas. Lucas, além de um empresário nato, era também, assim como eu, um apaixonado pelo esporte, que com o passar dos anos tornou-se também um companheiro na política, sendo presidente estadual do PRP, partido que presidi, em Araguaína. Ele foi parceiro do Libertando Vidas com Esporte (LVCE) e colaborou com o fortalecimento do projeto na capital.

O esporte e a política perdem um grande líder. Deixo, aqui, também as minhas condolências às famílias dos quatro atletas envolvidos, Lucas Praxedes, Guilherme Noé, Ranule e Marcus Molinari, e do piloto, Wagner, pedindo a Deus que conforte o coração de todos neste momento tão difícil.

Vereador Fraudneis Fiomare

AO VIVO