Menu
Busca domingo, 25 de outubro de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
31ºmax
23ºmin
CRIME BRUTAL

Namorado confessa como matou gerente e mostra onde enterrou o corpo

20 fevereiro 2020 - 10h08Por Mais Goiás

O corpo da gerente de supermercado que estava desaparecida desde o último dia (13) foi encontrado carbonizado e enterrado em um matagal no município de Caldas Novas, na região Sul do Estado. A Polícia Civil informou que o namorado dela, Alan Pereira dos Reis, de 22 anos, apontou o local onde havia enterrado a vítima.

Um caminhão do Instituto Médico Legal (IML) foi ao local com peritos para fazer o reconhecimento do corpo. A perícia recolheu roupas e o corpo e os encaminhou para análise, onde confirmaram se tratar de Fernanda Sousa Silva, de 33 anos.

À imprensa, o delegado Antônio André dos Santos disse que na primeira oitiva, Alan afirmou ter sido “tomado de um ódio profundo”. O suspeito relatou ao delegado ainda que teria dado um mata-leão em Fernanda, que acabou desmaiando. Assim que ela caiu, Alan teria matado a mulher com uma paulada. No local do crime havia rastros de pneus de motocicleta.

Os delegados responsáveis pelo caso foram até a casa de Fernanda e encontraram pegadas de barro. Eles acreditam que, após o crime, Alan voltou até a casa dela e tomou banho. Ele relatou ainda ao delegado que agiu sozinho.

Alan relatou que voltou até o local, no dia seguinte ao crime, na quinta-feira (13), onde estava o corpo de Fernanda ateou fogo e depois a enterrou com uma camada de cerca de 40 cm de terra.

Mostrando frieza, Alan ainda foi à delegacia com a família de Fernanda para fazer o registro de desaparecimento. O carro dela foi encontrado abandonado na zona rural de Bela Vista na quarta (19).

Fuga
Ainda na sexta-feira (14), o suspeito fugiu para o Tocantins. Ele acabou sendo encontrado em um ônibus na terça-feira (18) no município de Marinópolis. No momento em que foi abordado pelos policiais, Alan apresentou documento falso.

AO VIVO