Menu
Busca domingo, 15 de setembro de 2019
(63) 99292-6165
Araguaína
37ºmax
23ºmin
ToledoFibra
ARAGUAÍNA

Prefeitura é alvo de operação da PF que apura denúncia de superfaturamento na compra de medicamentos

27 junho 2019 - 08h47

A Prefeitura de Araguaína é alvo de uma investigação da Polícia Federal que apura denúncias de superfaturamento e desperdício de insumos hospitalares na Secretaria de Saúde do Município.

Batizada como "Dose de Leão" fazendo referência à aquisição de doses exageradas de medicamentos, a operação realizada em prédios da prefeitura na manhã desta quinta-feira (27), conta com a participação de 50 agentes que cumprem 12 mandados de busca e apreensão expedidos 2ª Vara da Justiça Federal de Araguaína. Uma viatura da Controladoria Geral da União acompanha a ação e deve auxiliar a PF na análise técnica do material apreendido.

Ainda de acordo com a PF, mandados também estão sendo cumpridos em Palmas, Goiânia e Aparecida de Goiânia.

A investigação teve início após uma denúncia sobre irregularidades no Centro Logístico da Prefeitura, onde a falta de controle nas compras de insumos e medicamentos teria gerado perdas por vencimento da validade de diversos produtos. A denúncia aponta ainda a aquisição desnecessária de itens com baixa rotatividade.
 
Os investigadores também apuram o provável superfaturamento em itens adquiridos pela Secretaria que de acordo coma denúncia chegava a mais de 400 % em alguns casos.  

O Portal O Norte já entrou em contato com a prefeitura e aguarda esclarecimentos sobre o caso. 

Ao Vivo