Menu
Busca quinta, 02 de abril de 2020
(63) 99292-6165
Araguaína
33ºmax
23ºmin
FERIADÃO

PRF registra queda de mortes em rodovias federais mas número de acidentes dobrou

28 fevereiro 2020 - 08h39
Iniciada na última sexta-feira, 21 de fevereiro, e finalizada às 23h59 de ontem, 26 de fevereiro, a Operação Carnaval da Polícia Rodoviária Federal foi estruturada com reforço de policiamento em trechos e horários críticos nas rodovias federais, isto é, o policiamento foi direcionado para os locais e horários com maior incidência de acidentes e de flagrantes de condutas perigosas.
 
Com a fiscalização focada nas principais condutas irregulares e associadas com maior número de acidentes - ultrapassagens irregulares, excesso de velocidade, mistura álcool e direção, falta de equipamentos de segurança - as equipes da Polícia Rodoviária Federal fiscalizaram durante a operação mais de 2 mil pessoas no Estado do Tocantins. 
 
O período comparativo adotado é o da Operação Carnaval 2019 que ocorreu entre os dias 01 e 06 de março, entre as duas operações, observou-se uma redução considerável no número de vítimas fatais, em 2019 foram 4 óbitos e em 2020 o número foi de 1 vítima fatal (redução de 75%).
 
Em relação ao número de acidente, o número foi maior que na operação passada, passando de 5 registros no ano passado para 10 em 2020. O número de pessoas feridas passou de 7 em 2019 para 12 em 2020. 
 
Muitos fatores contribuíram para o aumento do número de acidentes registrados, entre eles, a imprudência do condutor ganha destaque. O número de autos de infração registrado foi 38% maior que na operação passada, foram 747 autos lavrados em 2020, enquanto em 2019 o número foi de 542.
 
Importante destacar que todos os 10 acidentes registrados nas rodovias federais que cortam o estado do Tocantins, ocorreram em virtude da imprudência dos condutores:
 
3 acidentes – Falta de atenção do condutor 
2 acidentes – Embriaguez ao volante 
 
Além de outras causas como desrespeito às normas de trânsito, não guardar a distância de segurança e pista escorregadia (neste caso, associado ao excesso de velocidade). 
 
Neste caminho, vale apontar que a PRF observou um aumento no número de infrações perigosas realizadas pelos condutores, a que mais se destacou foi a embriaguez ao volante. Durante a operação, 31 pessoas foram flagradas dirigindo sob a influência de álcool, número 138% maior que o registrado em 2019, quando se registrou um total de 13 flagrantes foram registrados. 
 
Além disso, outras 6 pessoas foram flagradas dirigindo sob a influência de substância psicoativa.
 
Também se registrou um aumento no número de flagrantes de ultrapassagem irregular, manobra que causa os acidentes mais graves no trânsito. O número de flagrantes em 2019 foi de 71, enquanto na Operação Carnaval 2020 foram 124, um aumento de 74%.
 
Vale destacar que 
 
No âmbito criminal. a PRF registrou 19 ocorrências criminais pelos mais diversos ilícitos, com um total de 20 pessoas detidas. Entre as principais ocorrências estão:
Duas pessoas detidas por porte ilegal de arma de fogo e mais 89 munições (1 ocorrência registrada em Gurupi e outra em Tupirama/TO;
1 Veículo recuperado alvo de furto (Guaraí/TO); 
3 pessoas presas por embriaguez;
2 motoristas profissionais de caminhão flagrados com anfetamina para consumo próprio (porte de droga para consumo);

AO VIVO