Menu
Busca sábado, 28 de novembro de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
32ºmax
22ºmin
SOB INVESTIGAÇÃO

Servidor suspeito de incendiar rádio no Tocantins morre após 13 dias internado em UTI

18 novembro 2020 - 08h31Por Redação

O servidor público suspeito de incendiar Rádio no interior do Tocantins morreu, nesta terça-feira (17), em Anápolis, a 55 km de Goiânia.

O crime ocorreu no dia 05 de outubro, em Alvorada, quando o criminoso arrombou e incendiou a emissora de rádio. Um vizinho flagrou o momento do ocorrido e contou à polícia que o suspeito fugiu com parte do corpo em chamas.

A Polícia Militar (PM) encontrou uma arma próxima ao local do crime, que estava registrada no nome de Hélio Ribeiro, um funcionário da prefeitura. O carro do suspeito foi localizado horas depois, com dois homens e três galões de combustível vazios. Ele foi encontrado no Hospital Regional de Gurupi (HRG), com queimaduras em parte do corpo.

Devido aos ferimentos que sofreu, Hélio teve que ser transferido para a unidade de saúde em Anápolis, no Goiás. O suspeito acabou não resistindo e morreu, após 13 dias internado.

Além de Hélio, os dois homens que estavam com seu carro também são investigados pelo crime.

 

AO VIVO