Menu
Busca terça, 25 de fevereiro de 2020
(63) 99292-6165
Araguaína
31ºmax
22ºmin
Clique Wizard 300x250
VISITA

Amália Santana acompanha comitiva em visita ao HGP

06 julho 2011 - 11h23

Uma comitiva formada por deputados estaduais visitou no fim da tarde desta terça, 5, as dependências do Hospital Geral de Palmas (HGP). Amália Santana (PT) integrou o grupo que foi recebido pelo secretário da Saúde do Estado, Arnaldo Nunes e diretores do hospital.

A vista ao HGP foi a primeira deste ano, os parlamentares percorreram corredores, leitos, pronto socorro, UTI, passando ainda pelas obras de ampliação dos leitos setor azul, onde ficam os pacientes em observação, no espaço serão instalados 27 novos leitos.

Enquanto percorriam as dependências da unidade, Nunes foi respondendo a inúmeros questionamentos dos deputados. O secretário explicou que o Estado estaria trabalhando para fortalecer e dar condição de resolução a hospitais da região como os das cidades de Paraíso, Porto Nacional e Miracema, como forma de desafogar o HGP.

“Queremos tirar o diagnóstico daqui (HGP) para atendermos e darmos prioridade a casos com maior complexidade”, disse Nunes apontando ainda que atualmente existem 400 pacientes na fila de espera para fazer uma cirurgia de vesícula, atendimento que poderia ser feito pelos hospitais de menor porte.

A deputada Amália Santana acompanhou toda a visita, conhecendo e avaliando a situação da unidade e ouvindo também vários pacientes. “Ainda é preciso melhorar muito coisa, mas estamos vendo que o governo está tendo disposição e boa vontade para isso, os leitos na UTI subiram de 20 para 26 e também está havendo um trabalho de humanização do atendimento”, disse a deputada que é servidora efetiva da saúde e durante quase 30 anos atuou no Hospital Municipal de Colinas.

Ao fim da visita os deputados e o secretário se reuniram para discutir sobre a realidade encontrada no hospital e sobre a terceirização da saúde. Durante a reunião Amália Santana sugeriu que o Estado promovesse um mutirão para as cirurgias eletivas, diminuindo a demanda e as filas de espera, o secretário aprovou a proposta e disse que irá estudar a viabilidade. (Da Assessoria de Imprensa Dep. Amália Santana)

AO VIVO