Menu
Busca sábado, 19 de outubro de 2019
(63) 99292-6165
Araguaína
35ºmax
23ºmin
Assembleia Legislativa - Emendas para saúde

Após 2 anos de mandato Valuar presta contas na Câmara de Araguaína

23 novembro 2010 - 01h15

Pela primeira vez em quase 2 anos de mandato, o prefeito de Araguaína, Valuar Barros (DEM), compareceu a uma sessão ordinária na Câmara Municipal de vereadores para tratar de assuntos pertinentes à sua administração.

Enquanto os vereadores preparavam um arsenal de questionamentos sobre pendências da gestão de Valuar, o prefeito trazia, à tira colo, os seus principais auxiliares para ajudá-lo a responder com eficiência a todas as perguntas sobre as problemáticas discutidas, desde ruas esburacadas à situação precária do hospital público do município.

A sabatina municipal aconteceu na manhã dessa segunda-feira, 22, e antes do seu início, o secretário da Fazenda, Clóvis Júnior, apresentou um vídeo com as principais ações realizadas desde o início da gestão de Valuar, logo em seguida, os vereadores expuseram seus questionamentos e pontos de vista relativos à administração da prefeitura.


Portal da Transparência

Um dos primeiros assuntos a serem levantados foi o “Portal da Transparência”, o vereador Jorge Frederico (PMDB), questionou sobre quais seriam os motivos que levam ao atraso de quase um semestre na atualização das informações do poder público à população. Com relação ao Portal nem Valuar nem o secretário da Fazenda Clóvis Júnior se manifestaram sobre o assunto.

Finanças

Ainda segundo o ponto de vista de Jorge Frederico, a prefeitura recebeu praticamente 300 milhões de reais durante esses pouco mais de 21 meses de sua gestão e com esse recurso, o município não poderia estar passando por dificuldades financeiras como vem argumentando Valuar.

Jorge Frederico indagou sobre a não finalização de obras que já teriam sido pagas e não executadas, o vereador citou como exemplo, a recuperação da malha asfáltica da cidade, afirmando que o Ministério das Cidades depositou a última parcela do valor total para a obra ainda em 14 de dezembro de 2009.

Sobre esse assunto, Valuar defendeu-se argumentando que o atraso da execução da obra foi motivado pelas mudanças no projeto, como a inclusão de galerias de águas fluviais que não estavam previstos no início do mesmo.

Incetivo ao esporte

Jorge Frederico também questionou valuar sobre a falta de incentivo ao esporte, segundo ele, não foi investido nada neste ano e que desde o início do mandado até agora, foram investidos, 300 mil reais, provenientes de compromissos assumidos em 2009 e pagos em atraso somente neste ano.

Em resposta a Jorge Frederico, Valuar lembrou a crise financeira de sua gestão mas afirmou que já está autorizado 12 parcelas de 10 mil reais a serem pagas ao time oficial do município, o Araguaína Futebol Regatas, em 2011.

Investimentos

O vereador Alcivan (PP), Começou questionando quando seriam adquiridas as máquinas para patrulhas mecanizadas da prefeitura, já que a Câmara Municipal, de acordo com ele, autorizou a prefeitura a realizar empréstimos junto ao Banco do Brasil para adquirir as máquinas e que, além disso, o deputado federal Lázaro Botelho (PP), teria destinado 600 mil reais para aquisição das mesmas.

Alcivam ainda lembrou das reclamações da população araguainense relacionadas à evidente má qualidade da pavimentação asfáltica do município que detectado por meio de denúncias está sendo alvo de investigações do MPE.
 

Mototaxistas
 

Um assunto polêmico levantado também pelo vereador Alcivan, foi a regularização dos mototaxistas da cidade, já que a prefeitura realizou licitação para o preenchimento das vagas, e estas também acabaram se tornando alvo de denúncias do MPE que detectou irregularidades, relacionadas aos candidatos que conseguiram as vagas porém evidenciavam outros possíveis vínculos empregatícios, o que é terminantemente proibido para a atuação desses profissionais.

O procurador do município Dr. Ronan Garcia confirmou as palavras do vereador e afirmou que as investigações sobre o caso estavam em fase de conclusão.
 

Transporte escolar e saúde
 

O vereador Divino Bethânia (PP), iniciou seu discurso ironizando Valuar, afirmando que teria um pouco mais de respeito ao prefeito, devido a conselhos dos colegas Elenil da Penha (PMDB) e Gideon Soares (PMDB), mas enfatizou que não deixaria de questionar e discordar de algumas afirmações do prefeito.

Bethânia rememorou a frase mais ouvida de Valuar “Não fiz nenhuma promessa para ser eleito”, e enfatizou que mesmo não prometendo nada é dever dele [Valuar], trabalhar com eficiência em prol da população.

Em seu polêmico discurso, Bethânia discordou das afirmações contidas no relatório apresentado inicialmente pela assessoria de imprensa do prefeito Valuar Barros, onde foi afirmada a existência de transporte escolar na Vila Xixebal, o vereador desafiou ao prefeito e sua equipe a provar que existe transporte escolar nessa comunidade.

Ainda com a palavra indagou sobre o motivo da paralisação das obras do aeroporto e criticou o sistema de saúde do município e as motivações do contrato da prefeitura com a Pró-Saúde para gerenciamento do Hospital Municipal de Araguaina.

Em suma a presença histórica de Valuar na Câmara Municipal, rendeu muitas discussões, muitos assuntos foram explanados, alguns esclarecimentos e muitas indagações que ficaram sem resposta.

Por fim, os vereadores agradeceram a presença do prefeito Valuar Barros e lembraram-no da importância de sua participação mais efetiva junto à Câmara Municipal.
 

AO VIVO