Menu
Busca sexta, 28 de fevereiro de 2020
(63) 99292-6165
Araguaína
31ºmax
22ºmin
Luah's SemiJoias
ARAGUAÍNA

Padre Francisco pode ser o nome do PT para disputar prefeitura

16 agosto 2011 - 11h52

Dágila Sabóia
Da Redação


Na corrida à sucessão eleitoral do ano que vem no município de Araguaína, o Partido dos Trabalhadores, (PT), também já deu largada, demonstrando que a sigla não quer ficar de fora de uma das disputas mais importantes do Estado.

Em visita aos principais municípios da região norte do Tocantins, o presidente estadual do PT, Donizete Nogueira, declarou que Araguaína terá um candidato próprio. Donizete disse que o grupo está em busca de alianças com o objetivo de formar uma chapa forte para a disputa tanto ao cargo de prefeito quanto ao de vereador: “Vamos definir junto com a militância um nome forte para Araguaína e construir uma boa chapa a eleição de vereadores”, afirmou o presidente.

Em entrevista ao Portal O Norte na manhã desta terça-feira, 16, Célio Moura, um dos principais líderes do grupo petista e que já concorreu à prefeitura por duas vezes, afirmou que até o momento três nomes estão sendo analisados para a disputa. São eles: o médico José de Araújo Peixoto, o empresário Bôsco do “Bôsco Cabeleireiros” e o reitor da Faculdade Católica Dom Orione, Padre Francisco de Assis Silva Alfenas.

Para Célio Moura, dos nomes do PT apontados até o momento, o mais provável para concorrer à prefeitura será mesmo o do Padre Francisco. Entretanto, Moura deixou claro também, que a decisão final só sairá no encontro regional do partido a ser realizado no próximo dia 31 deste mês.

Outros pré-candidatos já lançados

PSDB

Em reunião realizada na Câmara Municipal na última sexta-feira, 12, em Araguaína, o secretário estadual do Trabalho e Ação Social (Setas), Agimiro Costa, foi lançado pela liderança tucana como pré-candidato a disputar o Executivo Municipal. Na oportunidade, Costa que virou a principal estrela do evento, agradeceu o apoio dos correligionários, mas destacou que a decisão final será tomada pelo governador Siqueira Campos (PSDB): “Sou soldado do partido, mas o candidato será aquele que o Siqueira escolher”, desconversou Agimiro.

PMDB
Dias atrás, o maior partido do Brasil, PMDB, também deixou claro que vai para a disputa com candidato próprio na capital do boi gordo. Até agora dois nomes estão cotados para encabeçar a candidatura, que são: os vereadores Elenil da Penha, presidente da Câmara e Jorge Frederico, tendo este último declarado que não abriria mão de uma provável candidatura ao Palácio Tancredo Neves. A afirmação do vereador causou certa polêmica no partido, uma vez que Elenil disse também que seu nome está à disposição da sigla.
 

AO VIVO