Menu
Busca quinta, 01 de outubro de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
37ºmax
22ºmin
COLUNA

Vitrine Cultural

por Dágila Sabóia
INTERDIÇÃO

Sem licenciamento, barracas ficam de fora de programação da Expoara

03 junho 2011 - 19h53

Daniel Lélis
Da Redação


Em entrevista no início desta noite, o diretor do Departamento de Postura e Edificações de Araguaína, João Lopes Sousa, informou que somente a Barraca da Veterinária, organizada por estudantes da Universidade Federal do Tocantins (UFT) recebeu Alvará de Licença e Funcionamento da Prefeitura para participar da Exposição Agropecuária de Araguaína.

As outras duas barracas, a Vila Country e a Eletrotenda, de acordo com ele, por não cumprirem as exigências no prazo estabelecido, que seria até as 18h de hoje, não poderão funcionar na segunda noite da Expoara 2011. O diretor afirma, contudo, que as mesmas terão a oportunidade de fazê-lo caso o Departamento de Postura e Edificações, atue em regime de plantão amanhã, dia 4.

Curiosidades
O detalhe é que mesmo supostamente sem cumprir as exigências legais, a Vila Country, que é organizada pela 4ª turma de Direito do ITPAC, realizou normalmente na noite de ontem, dia 2, ocasião da abertura do evento, show com a dupla Edson & Júnior. A barraca da Veterinária, que só conseguiu ser regularizada hoje, só não apresentou a atração da noite, a dupla Higor & Hugo, porque teve problemas técnicos nos equipamentos de sonorização.

Exigências
Segundo apurou nossa reportagem, para funcionar regularmente, as barracas precisam de dois projetos, um elétrico e um civil, que devem ser assinados por engenheiros e aprovados pelo Corpo de Bombeiros. Só então é concedido o Alvará de Licença pelo Departamento de Postura e Edificações. (Foto: Gasparzinni/Portal O Norte)

 

AO VIVO