Menu
Busca sexta, 28 de fevereiro de 2020
(63) 99292-6165
Araguaína
31ºmax
22ºmin
Luah's SemiJoias
COLUNA

Vitrine Cultural

ARAGUAÍNA 53 ANOS

Recorde de público marca o encerramento da Virada Cultural

16 novembro 2011 - 09h57

Rodolfo Gouveia
Da Redação

 

Com uma mega estrutura jamais vista em uma comemoração do aniversário da cidade, a Virada Cultural se despede do público araguainense, mas deixa na lembrança, quatro noites inesquecíveis para a multidão que compareceu às festividades.

A Virada Cultural, festa em comemoração aos 53 anos de emancipação de Araguaína foi um sucesso. Com realização da Prefeitura Municipal através da Secretaria Municipal de Cultura, Governo do Estado, através de emenda do Deputado Estadual Raimundo Palito (PP) e idealização da empresa Promov Eventos, a Virada abrilhantou a comemoração de pouco mais de meio século da cidade.

Sexta
Grandes bandas subiram nos dois palcos durante o evento. A dupla sertaneja universitária de Araguaína, Higor e Hugo foi uma delas que agitou a primeira noite, onde mais de sete mil pessoas assistiram ao show de artistas regionais e da banda de renome nacional, Caninana do Forró vinda diretamente de Fortaleza e que colocou a sanfona pra chorar tocando grandes sucessos da música nordestina.

Sábado
Na segunda noite a comemoração continuou com a abertura do Festival Aberto de Música de Araguaína, (FAMA) 2011. 18 participantes se apresentaram para os cinco jurados que avaliaram a interpretação de cada candidato. No palco principal se apresentou o cantor Tom Cleber, com um repertório romântico entoando grande sucessos de sua carreira.

Domingo
No domingo, 13, foi anunciado o vencedor do FAMA, o primeiro lugar ficou com o maranhense, Neném Bragança, que levou um prêmio de 3 mil reais, os outros dois foram, o cantor Zeca Tocantins e Polyana Viana Braga. A terceira noite de comemoração contou com apresentação de dança de um grupo regional, a banda de forró maranhense Reprise que ofereceu um leque de músicas dançantes e levou o público araguainense à loucura com mais de quatro horas de puro forró.

Segunda
A última segunda, 14, dia oficial do aniversário de Araguaína, a Virada Cultural foi encerrada em grande estilo. Um público de mais de 15 mil pessoas compareceu à Avenida Filadélfia pra participar da festa. Os cantores Fabinho dos teclados e o Stênio de Imperatriz – Maranhão, cantaram e encantaram os visitantes. A principal atração foi a banda Ravelly de Belém do Pará, que lembrou grandes sucessos do ritmo tecno melody e agitou a arena até o final do show.
Uma mega estrutura de palco, som e iluminação, seguranças durante o circuito do evento em uma festa linda que comemorou os 53 anos de vida de uma cidade referência para o Tocantins em cultura e oportunidades. (Crédito da foto: Dágila Sabóia/Portal O Norte)

 

AO VIVO