Palmas
21º
Araguaína
23º
Gurupi
21º
Porto Nacional
21º
PROCESSO SELETIVO

MPTO contrata banca para organizar concurso com salários de até R$ 10 mil

22 novembro 2023 - 11h00

O Ministério Público Estadual (MPE) contratou o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) para organizar concurso do quadro geral do órgão. Serão ofertadas 54 vagas e os salários chegam a R$ 10.056,33.

SIGA o Portal O Norte nas redes sociais: FacebookTwitter e Instagram

O certame, anunciado em setembro, terá oportunidades para os cargos de analista ministerial especializado (nível superior) e técnico ministerial e técnico ministerial especializado (nível médio). Haverá também formação de cadastro de reserva.

O MPE já divulgou o quantitativo e cargos para o concurso. A maioria das vagas disponíveis será para assistente administrativo e técnicos em informática e contabilidade.

Confira os cargos:

  • 20 vagas para assistente administrativo;
  • 9 para técnico em informática;
  • 4 para técnico em contabilidade;
  • 2 para análise de sistemas;
  • 2 para assistência social;
  • 2 para ciências contábeis;
  • 2 para psicologia;
  • 1 para administração de banco de dados;
  • 1 para administração de infraestrutura de tecnologia da informação;
  • 1 para administração e segurança de redes;
  • 1 para arquitetura e urbanismo;
  • 1 para biblioteconomia;
  • 1 para engenharia civil;
  • 1 para jornalismo;
  • 1 para letras;
  • 1 para odontologia;
  • 1 para pedagogia;
  • 1 para técnico em eletricidade;
  • 1 para fotografia;
  • 1 para técnico em telecomunicações.

Conforme despacho publicado no Diário Oficial do órgão, o valor estimado da contratação da banca é de R$ 1.896.335,18. O prazo para prestação de serviços é de 24 meses. Ainda não foi divulgada data para publicação do edital.

Demanda

Este é o segundo concurso público anunciado pela instituição em menos de dois anos, sendo o último realizado em 2022, destinado ao preenchimento do cargo de promotor de Justiça.

Segundo o procurador-geral de Justiça, Luciano Casaroti, o concurso é necessário em razão do aumento da demanda, que entre os anos de 2021 e 2022, superou a marca de mais de 500 mil movimentações só na esfera judicial.

*G1 Tocantins