Menu
Busca sexta, 15 de novembro de 2019
(63) 99292-6165
Araguaína
34ºmax
21ºmin
Casos Insanos
Assembleia Legislativa - Emendas para saúde
DADOS ALARMANTES!

No Dia Mundial do AVC, neurocirurgião alerta sobre riscos e destaca prevenção

29 outubro 2019 - 09h36

Nesta terça-feira, 29 de outubro, é lembrado o Dia Mundial do Acidente Vascular Cerebral. Os dados são alarmantes: um em cada quatro de nós terá um AVC ao longo da vida. E nesta importante data, o neurocirurgião do Tocantins, Márcio Antônio Figueiredo, alerta que 90% dos casos podem ser evitados.

“O AVC é a segunda maior causa de morte no mundo e a primeira de incapacidade. Isso pode acontecer a qualquer um, em qualquer idade, com pessoas de qualquer faixa etária. O que a maioria das pessoas não sabe é que o nosso corpo dá sinais antes de acontecer o AVC, como dificuldades repentinas na fala, cognição, visão ou tato. Por isso, quanto mais cedo for identificado, maiores são as chances de tratar ou até de evitar o AVC”, explica o médico, que coordena o Núcleo de Neurologia e Neurocirurgia do Hospital IOP, em Palmas.

A campanha mundial deste ano tem foco na prevenção do AVC. Intitulada “Don’t be the One” (“Não Seja Você”), a mobilização visa aumentar a conscientização sobre o risco individual de AVC e levar informações que podem salvar vidas. “A prevenção pode evitar 90% dos casos e identificar os sinais do AVC. Além disso, o rápido tratamento de urgência em um centro de AVC diminui bastante a chance de sequelas. Cerca de 90% dos AVC’s são associados ao nosso estilo de vida. Pessoas sedentárias, muito acima do peso, ou que sofrem com hipertensão arterial, diabetes, são tabagistas, tem o colesterol alto, enfim, estão nos grupos de risco para o problema”, alerta Márcio Figueiredo.

A cada ano, no mundo, 13 milhões de pessoas tem um AVC, mais de 5 milhões morrem e, atualmente, existem 80 milhões de sobreviventes de AVC. Há três tipos da doença: hemorrágico, quando há sangramento dentro do cérebro; isquêmico, quando há obstrução dos vasos que irrigam o cérebro; e isquêmico transitório, quando há uma redução súbita do fluxo sanguíneo para determinada região do cérebro, temporariamente, mas não chega a matar as células cerebrais.

Tratamento no Tocantins - O neurocirurgião lembra que o Tocantins é hoje referência na região Norte em tratamento de casos de AVC. “Hoje temos ótimos especialistas aqui e um atendimento estruturado em Palmas. Temos, por exemplo, o Hospital IOP com um núcleo de atendimento em neurologia e neurocirurgia, que já é referência, e estamos evoluindo mais a cada dia”, assegura Márcio Figueiredo.

Riscômetro de AVC - A campanha deste ano também divulga o “Riscômetro de AVC”, um aplicativo disponível na Play Store, como uma ferramenta para avaliar os fatores de risco individuais. No Brasil a campanha do AVC ocorre de 26 de outubro a 03 de novembro. 

Qual sua especialidade?

Publique seu conteúdo aqui na editoria Consulta com Especialista do Portal O Norte.

Ligue (63) 99958-5851 ou fale conosco pelo WhatsApp (63) 99292-6165

Todas as informações e opiniões contidas neste artigo, seja em texto ou emvídeo, são de total responsabilidade de seus autores e não expressam,necessariamente, as posições do Portal O Norte.

AO VIVO