Palmas
30º
Araguaína
30º
Gurupi
28º
Porto Nacional
30º
LUTO!

Juiz Sérgio Paio morre nesta madrugada em Araguaína e TJ decreta luto oficial de 3 dias

31 janeiro 2024 - 12h32Por Da Redação

Morreu na madrugada desta quarta-feira (31), aos 66 anos, o juiz Sérgio Aparecido Paio. A informação foi comunicada em nota de pesar pelo Tribunal de Justiça do Tocantins (TJTO).

SIGA o Portal O Norte nas redes sociais: FacebookTwitter e Instagram

Titular da Vara dos Feitos das Fazendas e Registros Públicos da Comarca de Araguaína, o juiz Sérgio Paio deixa esposa, três filhos e dois netos. Paulista, veio para o Tocantins em 1989 para assumir vaga no primeiro concurso da magistratura tocantinense, servindo por quase 35 anos o Judiciário do Estado. 

Em nota, o TJTO destacou que Paio "escolheu Araguaína para servir a sociedade e consolidar sua carreira. Magistrado vocacionado, atuava com maestria e era exemplo de retidão para os colegas. Divertido e brincalhão, sua presença era sempre motivo de alegria para todos ao seu redor".

O Poder Judiciário do Tocantins amanhece em profundo luto por essa perda irreparável. Sérgio Paio sempre edificou a magistratura com sua competência e comprometimento. Iniciamos nossa carreira juntos, oriundos do mesmo concurso, sua partida repentina deixa dor e tristeza em todos nós”, declarou a presidente do Tribunal de Justiça Etelvina Maria Sampaio Felipe.  

Magistrados e servidores também manifestaram suas condolências à família, amigos e colegas de trabalho.

O velório é realizado no Fórum de Araguaína e o sepultamento está previsto para 16h, desta quarta-feira, no cemitério da cidade, Jardim das Paineiras. 

LUTO OFICIAL 

Em razão do falecimento do juiz, a presidente do Tribunal de Justiça do Tocantins (TJTO), desembargadora Etelvina Maria Sampaio Felipe, declarou hoje luto oficial no âmbito do Poder Judiciário do Tocantins, por três dias. 

Durante este período, as bandeiras das sedes do Poder Judiciário deverão ser hasteadas a meio mastro como forma de homenagear o juiz pelo seu trabalho e dedicação à magistratura tocantinense.

O Decreto ainda suspende a sessão presencial e virtual da 1ª Câmara Cível, prevista para esta quarta (31/1); também não haverá expediente  na Comarca de Araguaína e os prazos processuais da Comarca que, porventura, iniciarem ou encerrarem-se neste dia 31 de janeiro de 2024, serão prorrogados para o primeiro dia útil subsequente.