Menu
Busca quinta, 28 de outubro de 2021
(63) 99958-5851
Araguaína
35ºmax
21ºmin
CASO HENRY BOREL

Conselho de ética do Rio decide pela cassação do mandato de Dr. Jairinho

28 junho 2021 - 16h00Por Meio Norte

O Conselho de Ética da Câmara de Vereadores do Rio, decidiu, nesta segunda-feira (28), cassar o mandato do vereador Dr. Jairinho. Foram 7 votos a favor da cassação.

O parlamentar e a namorada, a professora Monique Medeiros, estão presos acusados de matar o menino Henry Borel, de 4 anos. A criança era filha de Monique. O ex-parlamentar, responde na polícia pelas agressões e tortura de outras duas crianças. 

Sete membros da comissão votaram pela apropriaçao do cargo. Alexandre Isquierdo, presidente do Conselho de Ética, declarou ao G1, que "“A defesa do vereador Jairinho teve amplo espaço. O próprio advogado de defesa terá um espaço de duas horas para concluir sua defesa na apresentação do Projeto de Lei para a cassação do mandato”.

“A gente, com muita tranquilidade e total imparcialidade, aprova o relatório final do vereador Luiz Ramos Filho”, esclareceu.

Próximos passos

Depois da votação no Conselho de Ética da Câmara, o ato deve ser publicado na terça-feira (29), através de um projeto de Decreto Legislativo. A votação será levada a plenário na próxima quarta-feira (30).

Neste caso, o afastamento de Jairinho deve ser aprovado por dois terços dos vereadores, com 34 votos.

A sessão terá direito a falas dos vereadores e da defesa de Jairinho.

AO VIVO