Menu
Busca sábado, 23 de outubro de 2021
(63) 99958-5851
Araguaína
31ºmax
24ºmin
FATALIDADE

Tentando por anos, jovem passa na PRF, mas morre de Covid sem ver resultado

15 junho 2021 - 08h28Por Meio Norte

Morreu em São Paulo neste sábado (12) o morador da Serra, no Espírito Santo, Juliano Ribeiro Peruchi, de 38 anos.

O serrano era representante comercial da empresa Fortlev, que fica no Civit II, na Serra e morava no estado paulista há cerca de 10 anos. O sonho dele era ser agente da Polícia Rodoviária Federal.

Segundo Rafael Silva, amigo de infância de Juliano, o serrano ficou 18 dias internados num hospital particular e veio a óbito por complicações da Covid-19. Juliano era separado e deixou um filho.

“O sonho dele desde criança era ser agente da Polícia Rodoviária Federal (PRF). Tentou alguns concursos e esses últimos anos se dedicou a estudar, fez a prova e foi aprovado. Mas infelizmente veio a óbito, antes mesmo de saber do resultado final do certame”, disse o amigo.

Segundo Rafael, neste domingo (13), pela manhã, será realizado um ato pelos policiais rodoviários federais em homenagem a Juliano por volta das 9 horas. “Horário em que deve acontecer o sepultamento do Juliano no cemitério Jardim da Paz”, disse Rafael.

“Ele estava em São Paulo mas era muito ligado aqui com os amigos e família. Sempre que podia vinha visitar. Ficar perto da família e amigos, prezava muito isso”, disse Rafael.

Juliano também era amigo pessoal do deputado estadual Alexandre Xambinho que lamentou a morte do serrano por meio de suas redes sociais.

“Hoje nos despedimos de um grande amigo, o seu sorriso e a sua alegria de viver eram marcantes. Saiba Juliano Peruchi que guardarei nossas lembranças para sempre, as nossas conversas, os nossos sonhos, os nossos churrascos e os carnavais em Manguinhos foram momentos de muita alegria e que vamos levar para sempre em nossos corações!
Vai com Deus meu amigo! Que papai do céu conforte os nossos corações, obrigado por tudo! #Luto”
, disse Xambinho por meio de suas redes sociais.

AO VIVO