Palmas
31º
Araguaína
33º
Gurupi
31º
Porto Nacional
31º
TOCANTINS

Aplicativo Escola Segura alcança 3º lugar no Prêmio Boas Práticas

16 dezembro 2023 - 09h09

O aplicativo Escola Segura, desenvolvido pelo Governo do Tocantins, por meio da Secretaria da Segurança Pública do Tocantins (SSP-TO) e da Superintendência de Segurança Integrada, alcançou 85 pontos e ficou na terceira colocação no 2º Prêmio Boas Práticas do Brasil Central. O concurso visa estimular a melhoria dos serviços públicos e incentivar a troca de ideias inspiradoras, buscando valorizar a proatividade do servidor público premiando as experiências bem-sucedidas. 

SIGA o Portal O Norte nas redes sociais: FacebookTwitter e Instagram

A SSP-TO concorreu ainda com mais dois aplicativos: o Fale com a Ouvidoria SSP, que ficou em 6º lugar com 77 pontos; e o Salve Mulher, em 8º com 73 pontos, além do projeto Integra PC, que alcançou a 10ª colocação com 67 pontos.  

Os três aplicativos foram desenvolvidos no âmbito da Superintendência de Segurança Integrada da SSP-TO com o objetivo de trazer melhorias aos serviços prestados pela pasta aos cidadãos tocantinenses. "São demandas que surgiram e foram pensadas pela equipe da SSI com o intuito de proporcionar uma maior proximidade com o cidadão, bem como oportunizar um espaço para denúncias ou acionamento imediato das forças de segurança quando necessário", ponderou a superintendente de Segurança Integrada, Maria de Fátima Holanda.

O desenvolvedor e escrivão de polícia, Rodrigo Barbosa Rodrigues, comemorou o resultado e reforçou a importância dessas ferramentas para a melhoria dos serviços prestados à população tocantinense. "São ferramentas que não apenas simplificam e agilizam processos, mas promovem a segurança, o bem-estar e a comunicação eficiente entre os cidadãos e as autoridades de segurança pública", destacou.

O secretário da Segurança Pública, Wlademir Mota Oliveira, destacou que tanto os aplicativos quanto o projeto Integra PC vem atingindo seus objetivos, dando uma resposta eficiente à sociedade. "Que as nossas iniciativas possam inspirar outros Estados, pois ao final o serviço público ganha em qualidade e a população ganha em benefícios. O Escola Segura visa promover um ambiente seguro nas escolas do nosso Estado; o Fale com a Ouvidoria, permite uma maior aproximação entre o cidadão e a Secretaria; o Salve Mulher permite que as mulheres possam denunciar a violência sofrida a qualquer tempo, mesmo sem sair de casa. Por fim, o Integra PC é um projeto que propicia não só a qualificação, mas uma maior integração entre os policiais do Estado", ressaltou.

Escola Segura

O aplicativo Escola Segura foi desenvolvido para receber denúncias de ameaças no ambiente escolar e botão de pânico. Por meio dele é possível fazer denúncias em casos de emergência e também relatar situações que preocupam a unidade escolar, no sentido de prevenir futuras situações.

As denúncias são direcionadas a um plantão permanente e atendidas em tempo real e de imediato, pelo plantonista, que, de posse da localização da escola, acionará as equipes policiais.

No aplicativo é disponibilizado o Procedimento Operacional Padrão (POP) que norteia as escolas quanto aos procedimentos a serem adotados para prevenir e agir em casos de ataques, bem como técnicas de primeiros socorros e de evacuação. 

Salve Mulher

A ferramenta disponibiliza diversos serviços às mulheres que sofrem violência doméstica ou familiar, evitando que elas tenham que se deslocar até a delegacia para receber um atendimento imediato.

Por meio do aplicativo, é possível obter esclarecimentos sobre os tipos de violência contra a mulher (física, patrimonial, psicológica, sexual e moral), fazer denúncias - inclusive de forma anônima - e solicitar e acompanhar os pedidos de medida protetiva.

Fale com a Ouvidoria

O aplicativo Fale com a Ouvidoria SSP-TO é uma ferramenta  pioneira no Brasil que conecta o cidadão aos serviços prestados pela Secretaria da Segurança Pública. Por meio do aplicativo é possível fazer denúncias, reclamações, elogios e sugestões, inclusive de forma anônima, se o cidadão assim preferir. 

A ferramenta tem facilitado o atendimento das demandas de quem vive no interior do Estado. 

Integra PC

O Integra PC é um curso desenvolvido pela Escola Superior de Polícia (Espol) visando o aperfeiçoamento intelectual e operacional dos servidores. Ele acontece de forma presencial, com carga horária de 44 horas/aula, e à distância, com carga horária de 26 horas/aula, totalizando 70 horas/aula.

Neste ano, o Integra PC foi realizado em Gurupi, Araguaína e Palmas. Ao final da ação, em 15 setembro, 260 policiais civis terão sido aperfeiçoados em todo o Estado, sendo 200 profissionais da Polícia Civil e 60 da Polícia Científica.

Concurso e Premiação

O 2º Prêmio Boas Práticas do Brasil Central recebeu 139 inscrições das sete unidades federativas que integram o Consórcio Brasil Central. Foram selecionados os projetos que se enquadram em uma das seguintes áreas temáticas: desenvolvimento econômico, educação, infraestrutura e logística, gestão pública, saúde pública e segurança pública.

Confira a lista dos premiados na categoria Segurança Pública no site da SSP/TO.