Palmas
31º
Araguaína
33º
Gurupi
34º
Porto Nacional
31º
ATENÇÃO CONTRIBUINTES!

Calendário do IPVA 2024 é divulgado e terá desconto para pagamentos até janeiro

13 dezembro 2023 - 08h29Por Da Redação

O calendário de pagamentos do imposto para 2024 no Tocantins foi divulgado pela Secretaria da Fazenda do Estado do Tocantins (Sefaz) e os contribuintes que optarem pelo pagamento total do débito até o dia 15 de janeiro do próximo ano, terão desconto de 10%.

SIGA o Portal O Norte nas redes sociais: FacebookTwitter e Instagram

Ainda de acordo com a pasta, também será possível parcelar em até dez vezes, com o pagamento final em 15 de outubro. Mas o valor da parcela não poderá ser menor que R$500 em caso de pessoa jurídica e R$ 250 para pessoas físicas.

Confira o calendário do IPVA 2024

  • 15/01/2024 – vencimento da parcela única com desconto
  • 15/01/2024 – vencimento da 1ª parcela sem desconto
  • 15/02/2024 – vencimento da 2ª parcela sem desconto
  • 15/03/2024 – vencimento da 3ª parcela sem desconto
  • 15/04/2024 – vencimento da 4ª parcela sem desconto
  • 15/05/2024 – vencimento da 5ª parcela sem desconto
  • 17/06/2024 – vencimento da 6ª parcela sem desconto
  • 15/07/2024 – vencimento da 7ª parcela sem desconto
  • 15/08/2024 – vencimento da 8ª parcela sem desconto
  • 16/09/2024 – vencimento da 9ª parcela sem desconto
  • 15/10/2024 – vencimento da 10ª parcela sem desconto

Os proprietários de veículos podem ter acesso ao imposto pela internet, por meio do site da Sefaz, acessando o link para o serviço IPVA e digitando o número de renavam, a placa do veículo e dados pessoais.

Vale destacar que será liberado um Documento de Arrecadação da Receita Estadual (Dare), entretanto os boletos ainda não foram disponibilizados para o exercício 2024.

A Secretaria informa que também é possível retirar o documento em uma das agências de atendimento da Secretaria da Fazenda. Cliquei aqui e saiba mais.

O GOLPE TÁ AÍ!

A Sefaz ainda alerta para que os contribuintes não caiam em golpes relacionados ao IPVA e pede cautela caso recebam mensagens por perfis de redes sociais que não façam parte dos órgãos oficiais do governo como Detran Tocantins e Secretaria da Fazenda.