Palmas
28º
Araguaína
25º
Gurupi
27º
Porto Nacional
28º
EM SALVADOR

Estudantes e escolas tocantinenses são premiados na Maratona Tech 2023

21 novembro 2023 - 07h24

Oito estudantes e cinco escolas do Tocantins conquistaram medalhas nos três níveis da Maratona Tech 2023, promovida pela Associação Cactus. A cerimônia de premiação para os estudantes e unidades vencedores de todo o Brasil ocorreu na sexta-feira, 17, em Salvador, na Bahia. Do Nível 1 participaram estudantes do 6º e 7 º ano, do Nível 2 alunos do 8º e 9º, e o Nível 3 do Ensino Médio.

SIGA o Portal O Norte nas redes sociais: FacebookTwitter e Instagram

O ouro tocantinense foi conquistado no Nível 2 pela estudante Ana Luiza Blanger, do Colégio João D'Abreu, de Dianópolis, e João Gabriel Renz, da Escola Estadual Otacílio Marques Rosal, de Cristalândia, conquistou medalha de prata.

Ana Luiza Blanger disse que foi gratificante receber a notícia da colocação. “Toda a angústia e medo de não ser suficiente acabaram servindo como estímulos para uma maior dedicação. Fomos bem acolhidos em Salvador pela equipe da Maratona e a experiência de conhecer novas pessoas que, assim como eu, pensam no futuro, foi algo incrível. Agradeço pela oportunidade de aprofundar meus estudos na área, impulsionado pelo apoio do computador e pela bolsa de estudos fornecida”.

O estudante Isaac Guimarães, do Colégio Estadual Adolfo Bezerra de Menezes, de Araguaína, participou do Nível 1, e foi medalha de prata. Ainda no Nível 1, conquistaram medalhas de bronze os alunos Gedean Moraes, da Escola Estadual Zico Dorneles, de Juarina, e Samuel Aquino, da Escola Estadual Jaci Alves de Barros, de Arraias.

Já no Nível 3, foram três medalhas de Bronze, uma para Ana Luiza Nepomuceno, também do Colégio João de Abreu, de Dianópolis, outra para Julia Coelho, do Centro de Ensino Médio Girassol de tempo integral Darcy Marinho, de Tocantinópolis, e Renan Ribeiro, da Escola Estadual Professora  Zulmira Magalhães, de Arraias.

As escolas foram premiadas com uma medalha e um curso de tecnologia, por pontuações com a classificação dos alunos medalhistas e por engajamentos na Maratona. Do Tocantins, Colégio João D'Abreu, de Dianópolis; Centro de Ensino Médio Girassol de Tempo Integral Darcy Marinho, de Tocantinópolis; Escola Estadual Girassol de Tempo Integral Major Juvenal Pereira de Souza, de Tabocão; Colégio Cristo Rei, de Pedro Afonso, e a Escola Estadual João Tavares Martins, de Araguaçu.

Objetivo

A Maratona Tech é uma iniciativa que abre portas para o mundo da tecnologia, estimulando o aprendizado sobre lógica e o protagonismo juvenil. É uma competição educacional que visa despertar o interesse de estudantes do fundamental dos anos finais e ensino médio, das escolas públicas e privadas, pela tecnologia, independentemente de seu conhecimento prévio ou recursos escolares.

Competição

Após as inscrições os professores receberam uma formação exclusiva e um desafio para aplicar em sala de aula, relacionado a carreiras e usos práticos da tecnologia na comunidade dos estudantes. Os alunos realizaram o estudo, apresentaram os trabalhos e os melhores foram escolhidos para a fase final da competição.

A fase final da competição inclui ciclos de aprendizagem sobre pensamento computacional, auxiliados por vídeo aulas via WhatsApp. Os estudantes desenvolveram estruturas computacionais simples e competiram em quizzes.

*Ascom