Palmas
24º
Araguaína
24º
Gurupi
25º
Porto Nacional
26º
TOCANTINS

Primeira-dama retoma o diálogo sobre a criação do Fundo Estadual da Pessoa Idosa

02 fevereiro 2024 - 09h27

Em reunião realizada na manhã desta quinta-feira, 1° de fevereiro, com o Conselho Estadual da Pessoa Idosa e a Diretoria da Diversidade e Inclusão Social da Secretaria de Estado da Cidadania e Justiça (Seciju), a primeira-dama e secretária de Estado de Participações Sociais, Karynne Sotero, retoma o diálogo sobre o processo de criação do Fundo Estadual da Pessoa Idosa, parado desde 2018.

SIGA o Portal O Norte nas redes sociais: FacebookTwitter e Instagram

“Existe um fundo federal e o Tocantins é impedido de receber verbas pela não criação do Fundo Estadual do Conselho da Pessoa Idosa. Levando em conta que, atualmente, temos mais de 200 mil idosos no Tocantins, precisamos encontrar meios para trazer essa e outras verbas a fim de fomentar políticas públicas para esse grupo”, enfatizou a secretária Karynne Sotero. Ela se disse muito honrada com o convite para apadrinhar o Conselho e o Fundo. “Adorei conhecer o trabalho desenvolvido pelo Conselho Estadual e estarei empenhada em buscar, com a Casa Civil e a Casa de Leis, meios para tornar o Fundo uma realidade”, afirmou.

O presidente do Conselho, diácono Valtrude Messias, conta que a luta já dura seis anos e destaca os benefícios que a criação do Fundo trará para o Tocantins. “As leis da Política Estadual da Pessoa Idosa já foram criadas, temos o Conselho instituído, mas, desde 2018, estamos buscando a criação do Fundo para gerir verbas que poderão ser direcionadas para as políticas públicas voltadas às pessoas idosas em todo o território Estadual”, explicou Valtrude, ao salientar o trabalho de alguns Conselhos Municipais da Pessoa Idosa que já estão estruturados e com Fundos organizados.

À frente da Diretoria da Diversidade na Seciju, Wemerson Lima lembrou que o Conselho Estadual da Pessoa Idosa já atua há muitos anos e que, apesar das limitações causadas pela falta de verba, ele serve como exemplo estrutural para a criação de outros Conselhos dentro da Secretaria. “Com a criação do Fundo Estadual da Pessoa Idosa, além do direcionamento de verbas públicas federais, poderemos pleitear repasse de empresas da iniciativa privada enquanto doações filantrópicas”, visualizou.

No final do encontro, a secretária Karynne Sotero enfatizou que se reunirá com o secretário-chefe da Casa Civil, Deocleciano Gomes, e com parlamentares que estão à frente deste assunto para dar encaminhamento à demanda apresentada.

Além da presença do presidente do Conselho, diácono Valtrude Messias; do diretor de Diversidade e Inclusão Social da Secretaria de Estado da Cidadania e Justiça, Wemerson Lima; esteve presente a assistente social e representante da Seciju, conselheira Ione Bernardo.

*Secom Tocantins