Palmas
31º
Araguaína
31º
Gurupi
31º
Porto Nacional
31º
IMUNIZANTE INALÁVEL

China aprova primeira vacina contra a Covid-19 em spray nasal

05 setembro 2022 - 15h47Por R7 Notícias

As autoridades chinesas aprovaram a primeira vacina inalável contra a Covid-19 no mundo. A vacina da CanSino Biologics tem forma de spray nasal e será usada como dose de reforço de emergência.

A empresa comunicou que recebeu sinal verde Administração Nacional de Produtos Médicos da China (“NMPA”), quando entrou na bolsa de valores de Hong Kong, no último domingo. Após o anúncio, a cotação das ações da empresa subiu até 14% na bolsa de valores nesta segunda-feira e acabou fechando com alta de 7,1%.

Assim como a Convidecia injetável, a vacina por spray é produzida por meio da tecnologia de vírus recombinante não replicante, que transporta pedaços do material genético do Sars-CoV-2 e induz o organismo a produzir uma resposta imune ao vírus

"A aprovação terá um impacto positivo nos resultados da empresa se a vacina for posteriormente comprada e usada pelas agências governamentais relevantes", disse o comunicado.

Cientistas de vários países do mundo, como Cuba, Canadá e Estados Unidos, estão trabalhando em vacinas que podem ser administradas pelo nariz, via de entrada do coronavírus.

Desde 2020, a China aprovou oito vacinas da Covid-19 desenvolvidas localmente, mas ainda não permitiu que vacinas estrangeiras sejam usadas em seu território.

No Brasil, a farmacêutica Biomm é a empresa autorizada a produzir a vacina. Em março deste ano, a empresa pediu o registro definitivo do imunizante na forma injetável para a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), considerando o avanço da vacinação e a ampliação das faixas etárias, além da possibilidade de contribuir com a imunização dos brasileiros de forma contínua e definitiva.

Após a aprovação do órgão regulador, a companhia prevê importar, inicialmente, a vacina Convidecia e, posteriormente, produzi-la em sua planta biofarmacêutica em Nova Lima (MG).