Palmas
29º
Araguaína
27º
Gurupi
27º
Porto Nacional
28º
PRÓXIMA SEMANA

Chegada do 5G em Palmas é antecipada após autorização da Anatel

19 agosto 2022 - 08h34Por G1 Tocantins

A chegada do 5G em Palmas foi antecipada para a próxima segunda-feira, dia 22 de agosto. A autorização para as operadoras de telefonia ligarem o sinal mais cedo foi dada nesta quinta-feira (18) pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). A previsão anterior era 29 de agosto.

O sinal também foi antecipado para o Rio de Janeiro, Florianópolis e Vitória. Com isso o 5G estará em funcionamento em 12 capitais do país. Conforme a Anatel, as outras 15 capitais do país devem receber o serviço até novembro.

O 5G promete grandes avanços tecnológicos nas áreas de comunicação, engenharia, tráfego e até na medicina devido à alta velocidade para baixar e enviar arquivos, reduzindo o tempo de resposta entre diferentes dispositivos e tornando as conexões mais estáveis.

A previsão da Anatel é que o sinal inicialmente chegue apenas em alguns bairros das cidades contempladas, pois o edital do leilão determinou às operadoras a instalação de uma antena para cada 100 mil habitantes.

Com o passar do tempo serão exigidas mais antenas por habitantes. A expectativa da Agência é de que as cidades terão uma cobertura completa antes do prazo máximo de 4 anos que é previsto no edital, pois as operadoras estão solicitando a instalação de mais antenas que o exigido.

Chegada do 5G

A quinta geração da rede de internet móvel promete uma verdadeira revolução com conexão ultrarrápida e diversos avanços tecnológicos. Em julho a Anatel divulgou um cronograma de quando a nova tecnologia vai chegar às cidades brasileiras.

Essa evolução da rede vai permitir conectar muitos objetos à internet ao mesmo tempo: celular, carro, semáforo, relógio. Tudo isso já pode ser ligado ao 4G, mas é esperada uma melhoria na conexão.

A chegada do 5G depende também da desocupação da faixa de 3.625 MHz a 3.700 MHz, que atualmente é utilizada pelas antenas parabólicas da TV aberta e por isso kits serão distribuídos para parte da população.

Essa distribuição já começou na capital e vai atender as pessoas inscritas no CadÚnico e beneficiadas pelos programas sociais do governo vão receber o kit gratuito.