Palmas
28º
Araguaína
25º
Gurupi
25º
Porto Nacional
26º
PESQUISA EM GURUPI

Procon encontra variação de até 180% nos preços da cesta básica

07 dezembro 2023 - 08h15

A pesquisa de preço dos itens que compõem a cesta básica realizada pelo Procon Tocantins revelou uma variação de até 180,72% no município de Gurupi. A equipe de fiscalização do órgão percorreu oito mercados, nos quais foram pesquisados 45 produtos dentre alimentos, e materiais de higiene e limpeza. O maior percentual de variação de preço foi encontrado no tempero completo 300 gramas que chegou a variar 180,72%, vendido entre R$ 2,49 e R$ 6,99.

SIGA o Portal O Norte nas redes sociais: FacebookTwitter e Instagram

“A pesquisa se tornou um instrumento para guiar o consumidor nesta tarefa que não é fácil, que é a gestão da economia doméstica. Nós sabemos que a partir da pesquisa é possível economizar, por isso o órgão é criterioso neste trabalho e busca dar conhecimento a todos sobre a pesquisa, para que de fato ela seja útil”, destaca Rafael Parente, superintendente do Procon Tocantins.

Variações

A segunda maior variação de preço foi a do sabonete 85G, com variação de 134,45%, vendido entre R$ 1,19 e R$ 2,79. E em terceiro ficou o KG do feijão preto, com variação de 127,47% e preços entre R$ 6,59 e R$ 14,99.  A pesquisa não considera a marca dos produtos, apenas o menor preço encontrado nas prateleiras de cada empresa. 

“Um dos objetivos dessa pesquisa é fornecer aos consumidores informações precisas e atualizadas sobre os preços dos produtos da cesta básica. Também é importante lembrar que o consumidor esteja atento a qualidade dos produtos, se o armazenamento está adequado, prazo de validade e outras condições que podem impactar a saúde do consumidor ao consumir determinado produto”, enfatiza Magno Silva, diretor de Fiscalização do órgão.

Denuncie

O consumidor deve ficar atento às especificações contidas na embalagem: prazo de validade, composição e peso líquido do produto. Qualquer dúvida ou denúncia podem ser feitas pelo Disque 151 ou WhatsApp Denúncia (63) 99216-6840.

Link da pesquisa:  https://central.to.gov.br/download/358182

*Ascom