Palmas
24º
Araguaína
23º
Gurupi
24º
Porto Nacional
25º
CONTROLE AO TABAGISMO

Saúde de Palmas implanta novos grupos de apoio a tabagistas

30 agosto 2022 - 12h45

Uma boa notícia para quem deseja parar de fumar. Neste 29 de agosto, Dia Nacional de Combate ao Fumo, a Secretaria Municipal da Saúde de Palmas (Semus), por meio da Coordenação Técnica de Doenças e Agravos Não Transmissíveis (CDANT), anuncia que implantará em setembro mais cinco Grupos de Apoio Terapêutico ao Tabagista (GATT) nas Unidades de Saúde da Família (USFs) das quadras Arno 44 (409 Norte), Arno 41 (403 Norte), Arne 53 (406 Norte), Arso 23 (207 Sul) e Arso 111 (1103 Sul). 

Os novos grupos fazem parte do Programa Municipal de Controle ao Tabagismo (PMCT), desenvolvido pela CDANT, área da Superintendência de Atenção Primária e Vigilância em Saúde (Supavs). O objetivo é realizar ações educativas, palestras, orientações, sessões com abordagem cognitiva-comportamental e a oferta de tratamento, caso necessário, para cessação do tabagismo. Qualquer pessoa que tenha interesse em parar de fumar, pode procurar uma dessas unidades para ser observada a categoria de risco do usuário e, posteriormente, uma avaliação inicial.

Segundo a coordenadora do CDANT, Andreza Domingos da Silva, a avaliação inicial é muito importante para explicar para o paciente como funcionam os grupos, o tratamento e para analisar a motivação do usuário. “O nível de motivação faz muita diferença para quem quer parar de fumar, porque ele pode estar ali obrigado ou porque outra pessoa quer que ele faça isso e assim não tem eficácia”, conta.

Os pacientes são assistidos por equipe multi como, médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, odontólogos, nutricionistas, psicólogos da unidade de saúde. Integram ainda a equipe das USFs, os residentes dos programas de residência da Saúde da Família e Saúde Coletiva e farmacêuticos do Programa Palmas para Todos (PPT) da Fundação Escola de Saúde Pública (Fesp). Os grupos de apoio fazem sessões semanais e posteriormente mensais por aproximadamente 03 meses ou até a pessoa ter confiança para ficar em abstinência do tabaco.

As unidades da Arso 23 e Arso 111 já tinham grupos de apoio antes da pandemia da Covid-19, mas as sessões presenciais foram suspensas no período da pandemia. Para novas implantações e reimplantação dos GATTs foi necessário um amplo processo de organização, formação de equipes para captação de pacientes e descentralização para atender um público maior. 

Estão em fase de captação de pacientes para implantação dos GATTS ainda esse ano as USFs: Eugênio Pinheiro (Aureny I), Liberdade (Aureny III), Arse 111 (1104 Sul), Arse 82 (806 Sul) e ASR-SE 75 (712 Sul). “A proposta é que até o ano que vem a gente consiga ampliar para todas as unidades de saúde”, comenta Andreza. Além disso, o CDANT está buscando parcerias com instituições de ensino superior com intuito de levar a temática aos acadêmicos e os mesmos serem reprodutores junto a comunidade. 

Data

Em alusão ao Dia Nacional de Combate ao Fumo, foram realizadas nesta segunda-feira, 29, ações educativas, dinâmicas e distribuição de folders sobre a temática no Centro de Ensino Médio (CEM) Castro Alves e no Centro Universitário Luterano de Palmas (Ceulp/Ulbra). À tarde essas ações continuam no CEM Castro Alves.

Além disso, à tarde as equipes da CDANT também participam do I encontro dos coordenadores municipais de controle do tabagismo, com exposição de banner, no auditório da sede administrativa da Universidade Estadual do Tocantins (Unitins).