Palmas
21º
Araguaína
22º
Gurupi
20º
Porto Nacional
21º
ASSASSINATOS NA JK

Acusados pelas mortes de dois moradores de rua em Palmas vão a júri popular

09 dezembro 2023 - 08h20

Os réus Wanderson de Jesus Santos e Leomar Barros Batista serão julgados por júri popular pelos assassinatos de dois moradores de rua de Palmas. A decisão é da 1ª Vara Criminal de Palmas e foi publicada nesta quinta-feira (7).

SIGA o Portal O Norte nas redes sociais: FacebookTwitter e Instagram

Os crimes aconteceram em janeiro deste ano, na avenida JK, e as vítimas são Edivando Alves Gomes e Gilvan Gomes da Silva. O primeiro foi estrangulado próximo a um ponto de ônibus na 108 Norte. O outro acabou sendo morto com golpes de cabo de vassoura na 104 Norte.

Os acusados foram presos no mês de fevereiro, em Porto Nacional. Eles também eram moradores de rua e segundo apurou a Polícia Civil na época, eles teriam cometido os assassinatos alegando que as vítimas teriam cometido furtos que atraíram a policia para o no local onde eles se abrigavam, na rodoviária de Palmas.

A denúncia dos então indiciados foi recebida pela Justiça no dia 14 de abril. Nesta quinta-feira, o juiz Cledson Jose Dias Nunes decidiu pela pronúncia dos acusados, ou seja, determinando que eles sejam julgados pelo Tribunal do Júri. Também manteve a prisão preventiva da dupla.

“Entendo que há indícios suficientes de que os acusados foram os autores dos golpes que provocaram a morte das vítimas, consoante se infere dos elementos de convicção colhidos na fase investigativa e, sobretudo, da prova oral coletada em juiz”, disse o magistrado.

Eles devem responder pelo crime de homicídio com as agravantes de motivo fútil e recurso que dificultou a defesa da vítima para os dois assassinatos. Não foi divulgada a data para o júri popular.

O g1 tenta contato com a defesa dos réus.

Relembre os casos

Um morador de rua de 42 anos foi assassinado com golpes de cabo de vassoura nna madrugada do dia 17 de janeiro. Os suspeitos teriam acordado a vítima, que dormia abraçado a uma mulher, e agredido com o cabo de vassoura.

O vídeo de um câmera de segurança do local registra o momento em que o crime acontece. Pelas imagens é possível ver que a vítima é arrastada e agredida com um cabo de vassoura.

Depois do crime a dupla deixa o homem no chão e vai embora andando. O homem não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

Na mesma noite, outro morador de rua foi estrangulado ao lado de um ponto de ônibus na 108 norte. Quando chegaram ao local, os militares verificaram que ele tinha marcas de estrangulamento e sangue na região da boca e pescoço.

*G1 Tocantins