Palmas
24º
Araguaína
24º
Gurupi
24º
Porto Nacional
26º
INQUÉRITO CONCLUÍDO

Caminhoneiro suspeito de atropelar técnica de enfermagem vai responder por homicídio

19 dezembro 2023 - 08h30

O caminhoneiro suspeito de causar acidente que matou a técnica de enfermagem Verônica de Abreu Velasan, de 38 anos, vai responder por homicídio doloso duplamente qualificado. O inquérito sobre o caso registrado em Araguaína, no norte do estado, foi concluído nesta segunda-feira (18).

SIGA o Portal O Norte nas redes sociais: FacebookTwitter e Instagram

O acidente de trânsito aconteceu no dia 8 de outubro de 2022. A mulher estava de moto e foi ultrapassada pelo caminhão conduzido por um homem de 48 anos. Ela caiu da moto e acabou sendo atropelada por ele. Verônica sofreu vários ferimentos pelo corpo, principalmente na cabeça, e não resistiu.

A investigação contou com a ajuda de câmeras de monitoramento que ficam na avenida e registraram o momento do acidente. Assim, a conclusão do inquérito aponta que o caminhoneiro forçou a ultrapassagem entre a moto de Verônica, que estava à direita na via, e um carro de passeio, à esquerda.

A polícia também apontou que ele tinha como ver tanto o veículo como a moto e mesmo assim continuou com a manobra. Isso causou a queda da técnica, que não teve como agir de forma defensiva.

De acordo com o delegado Luiz Gonzaga da Silva Neto, responsável pelo caso, o motorista do caminhão assumiu o risco de causar o acidente. Com a ação, a técnica de enfermagem foi surpreendida e não conseguiu escapar do atropelamento.

Ainda para o delegado, a situação evidenciou o homicídio doloso, “quando há intenção de matar, uma vez que assumiu o risco de provocar o resultado morte” disse, considerando risco também para outras pessoas que passavam pela avenida e a impossibilidade de defesa da vítima.

O inquérito policial enviado ao Poder Judiciário e Ministério Público para a adoção das medidas legais sobre o caso.

*G1 Tocantins