Palmas
37ºmax
19ºmin
EM ARAGUAÍNA

Homem descontrolado é preso após atropelar e espancar ex-mulher no meio da rua

30 junho 2022 - 10h57Por Da Redação

 André Pereira da Silva (42 anos), foi preso pela Polícia Militar, após ser flagrado agredindo sua ex-mulher, que também foi ameaçada de morte no meio da rua em Araguaína no Norte do Tocantins. 

O caso aconteceu na noite dessa quarta-feira (29). O flagrante das agressões foram registrados por moradores de um condomínio localizado no Jardim América, que se assustaram ao ouvir gritos de socorro vindos da rua. Testemunhas relataram que o homem após bater na motocicleta da mulher, saiu correndo atrás dela, dando socos e chutes e puxando os cabelos da vítima, proferindo ameaças de morte contra ela. 

Ainda segundo testemunhas, a mulher foi obrigada a abandonar sua moto caída e foi colocada à força no veículo do agressor. Imagens gravadas por moradores da região, mostram a vítima saindo do local dentro do carro com o autor.

A Polícia Militar foi acioanda e chegou imediatamente ao local onde foi deixada a motocicleta, Honda Biz de cor Branca. Com as informações e características do veículo, a PM fez patrulhamentos, localizou e interceptou o carro do suspeito na avenida Filadelfia em frente ao Detran. 

De acordo com a equipe policial, a mulher foi resgatada do veículo ainda em estado de choque e o homem visivelmente nervoso contou sua versão da história à PM. 

Segundo ele, o casal está separados há três meses, e ele está tentando reatar o relacionamento. Na noite desta quarta, ele contou que trocou de veículo com um amigo e ficou seguindo sua ex. Como ela não conhecia o veículo, não percebeu que estava sendo perseguida. Já na rua 5 de Outubro no Jardim das Américas, ele jogou o carro pra cima dela, passando o pneu por cima da motocicleta e em seguida correu atrás da vítima e começou a agredir ela. 

Após a abordagem, o motorista passou mal e foi atendido pelo SAMU, em seguida encaminhado para a Delegacia de Plantão, onde foi ouvido e autuado pelos crimes de lesão corporal, injúria, sequestro e cárcere privado.