Palmas
37ºmax
19ºmin
AÇÃO POLICIAL

Motociclista é indiciado por condução perigosa nas ruas da Capital

06 agosto 2022 - 10h49Por Ascom SSP

A Polícia Civil, por meio da 2ª Delegacia Especializada de Repressão às Infrações de Menor Potencial Ofensivo (DEIMPO) indiciou nesta sexta-feira, 5, um homem de 21 anos pela prática de crime de desobediência e condução de veículo sem a devida habilitação. 

Em junho deste ano, o homem teria desobedecido à ordem de parada de policiais militares e empreendeu fuga. As investigações apuraram que a motocicleta não possuía escapamento e retrovisor. O suspeito ainda conduzia a motocicleta sem calçamento adequado. 

O delegado titular da 2ª DEIMPO, Ibanez Ayres, informou que, em depoimento, ele confessou que havia desobedecido ordem policial e que somente o fez porque não é habilitado para dirigir veículo na categoria A, e que a motocicleta se encontrava em desacordo com as normas de trânsito. “Feitas as diligências e consultas aos bancos de dados, a equipe de policiais civis da 2º DEIMPO verificou diversas infrações administrativas por parte do autor, dentre as quais malabarismo e condução perigosa”, informou. 

O delegado pontuou ainda que o indiciado responderá pelos crimes descritos no Artigo 330 do Código Penal e no Artigo 309 do Código de Trânsito, cujas penas somam 1 ano e 6 meses de detenção. A motocicleta foi apreendida pela Polícia Militar e o homem pagou a quantia de R$ 7.630,00 para que  fosse liberada. 

“Executar malabarismo, trafegando em motocicleta com apenas uma roda, acarreta em crime de direção perigosa, previsto no Código de Trânsito Brasileiro”, acrescentou o delegado.