Menu
Busca quinta, 23 de setembro de 2021
(63) 99958-5851
Araguaína
37ºmax
23ºmin
URGENTE!

Pistoleiros invadem acampamento "Sem Terra", espancam e atiram em moradores; uma pessoa morreu

06 agosto 2021 - 11h20Por Redação

Um homem foi morto nesta manhã durante ataque contra moradores do acampamento Maria Bonita localizado na zona rural de Palmeirante, no Norte do Tocantins. No local vivem cerca de 100 famílias que lutam por reforma agrária na região. 

O acampamento onde aconteceu o ataque, faz parte da Gleba Anajá, localizada na Fazenda Navarro. A área seria pertencente à União, mas está sendo reivindicada por um fazendeiro que ganhou uma liminar para reintegração de posse na 2ª Vara Cível de Colinas do Tocantins.

O Ataque

Testemunhas relatam que supostos jagunços teriam invadido o acampamento, arrancando moradores de suas casas, espancando e baleado os mesmos, inclusive há relatos preliminares de desaparecidos. 

Entre as vítimas está um morador identificado como Getúlio, que foi morto a tiros dentro da própria casa, que fica na divisa do acampamento. Um cunhado dele também foi baleado durante a ação criminosa.

Em áudio divulgado nas redes sociais, uma moradora fala em tom de desespero: “Pessoal tá gritando lá e pedindo para chamar a polícia com urgência. Já mataram o Getúlio e estão tocando fogo em tudo. Manda a polícia e a ambulância rápido (sic)”.

Segundo informações, antes do ataque, Getúlio teria feito uma reunião com moradores do Maria Bonita em sua casa que fica na divisa do acampamento, onde ele teria familiares cadastrados no projeto de reforma agrária.

Dias atrás, os moradores haviam denunciado na Polícia Civil em Colinas, um outro ataque que teria sido feito também por supostos jagunços, onde eles teriam destruído uma ponte que dá acesso ao acampamento, bem como a propriedade do senhor Getúlio. 
 
O Instituto Médico Legal (IML) de Colinas informou ao Portal O Norte que foi acionado e a ocorrência está em andamento. 

AO VIVO