Palmas
32º
Araguaína
35º
Gurupi
34º
Porto Nacional
32º
OPERAÇÃO HIDRA DE LERNA

Polícia cumpre mandados de busca e prende dois homens por tráfico

08 fevereiro 2024 - 09h19

A 2ª Divisão Especializada de Repressão a Narcóticos (Denarc - Araguaína), com o apoio da 3ª Divisão Especializada de Repressão ao Crime Organizado (Deic - Araguaína), deflagrou nesta quarta-feira, 7, nos setores Araguaína Sul e Urbano, a operação Hidra de Lerna, com foco no combate ao tráfico de drogas e ao crime organizado. 

SIGA o Portal O Norte nas redes sociais: FacebookTwitter e Instagram

O delegado José Anchieta de Menezes Filho, titular da 2ª Denarc, informou que foram cumpridos três mandados de busca e apreensão e um de prisão temporária em desfavor do chefe do tráfico no local. Na ocasião, outro homem também foi preso em flagrante delito. 

“Somente em um ano a Denarc efetuou quatro operações nestes locais, sendo presas 12 pessoas. No fim do ano, a Polícia Militar também fez operação e foram presas outras  duas pessoas, ou seja, mesmo com as várias prisões, às vezes, já no dia seguinte, a boca de fumo voltava a funcionar. Em razão disso, a Denarc vinha investigando quem eram os responsáveis e chegou-se ao responsável pelo tráfico no local”, explicou.

Com o trabalho das equipes de investigação, o homem foi identificado junto com seus associados e nesta manhã a PC/TO cumpriu os mandados.  “Foi apreendido crack em porções prontas para o comércio e outras porções grandes na casa de um dos associados. Já na casa do líder foi apreendida uma arma de fogo calibre 38 e na boca de fumo, novamente, foi apreendido mais de mil reais em espécie. Lá também estava uma mulher que já havia sido indiciada no primeiro inquérito, no ano passado. Acredita-se que ela tenha descartado a droga antes da chegada da polícia, então, novamente, ela será ouvida no inquérito.” 

Nome da operação 

O nome da operação é inspirado na lenda da mitologia grega Hidra de Lerna que era um monstro que habitava um pântano junto ao lago de Lerna, na Argólida, hoje o que equivaleria à costa leste da região do Peloponeso. A Hidra tinha corpo de dragão e várias cabeças de serpente. Segundo a lenda, as cabeças da Hidra podiam se regenerar e quando se cortava uma cabeça, cresciam duas em seu lugar, assim como vinha ocorrendo com a boca de fumo de Araguaína. 

*SSP-TO