Palmas
32º
Araguaína
33º
Gurupi
34º
Porto Nacional
31º
NO TOCANTINS

Suspeito de agredir mulher é morto pela PM após atacar policial com facão

01 fevereiro 2024 - 10h39

Um chamado para atender caso de violência doméstica acabou resultando na morte de um homem de 24 anos durante confronto com a polícia. Segundo a Polícia Militar (PM), ele resistiu à prisão e chegou a ferir um policial com golpe de facão antes de ser baleado. O caso aconteceu em Divinópolis do Tocantins, na tarde de quarta-feira (31).

SIGA o Portal O Norte nas redes sociais: FacebookTwitter e Instagram

A princípio a PM recebeu uma ligação para intervir numa briga de casal. A mulher do suspeito, de 37 anos, contou que seu companheiro estava alcoolizado e bastante violento. Ela disse que foi agredida fisicamente, chegou a ser jogada no chão e sofreu tentativa de estrangulamento, momento em que ela conseguiu se libertar, fugir e pedir socorro.

Quando os policiais chegaram, a mulher estava sendo encaminhada para o hospital de ambulância. A equipe viu o suspeito entrando em uma residência. Os policiais escalaram o muro e o homem se trancou na casa.

O homem chegou a abrir um pouco a porta e a negociação para que ele se entregasse durou aproximadamente 20 minutos. Até que, em vez de se render, o suspeito pegou um facão e atingiu um dos militares no punho direito. O policial sofreu lesão leve e passa bem.

Conforme a polícia, diante da agressão, foi necessário o uso da arma de fogo para neutralizar a ação do suspeito. Em seguida o SAMU foi chamado e constatou o óbito no local. Os policiais descobriram que o homem tinha passagens policiais pelos crimes de lesão corporal e ameaça.

Após perícia o corpo foi recolhido pelo IML e encaminhado para Paraíso.

*G1 Tocantins