Palmas
28º
Araguaína
28º
Gurupi
30º
Porto Nacional
29º
APÓS DENÚNCIAS

Traficante tenta subornar policiais para não ir para a cadeia mas acaba preso

04 abril 2024 - 08h44

A Polícia Civil do Tocantins por intermédio da 6ª Divisão de Combate ao Crime Organizado (DEIC – Paraíso) deflagrou na tarde desta quarta-feira, 3, uma ação de combate à criminalidade a qual resultou na apreensão de drogas e dinheiro e na prisão de um indivíduo de iniciais V.V.S.C, de 24 anos, por tráfico de drogas.

SIGA o Portal O Norte nas redes sociais: FacebookTwitter e Instagram

O delegado titular da 6ª DEIC, Antonio Onofre Oliveira da Silva Filho, explica que a operação tinha por objetivo apurar informações de denúncias de que o autuado estaria praticando tráfico de drogas, utilizando a própria residência, que fica localizada no Setor Oeste, como ponto de venda de substâncias entorpecentes, em Paraíso do Tocantins.

Desse modo, as equipes da unidade especializada passaram a monitorar o imóvel e o indivíduo, constatando que o mesmo estaria de fato praticando tráfico de drogas em sua residência, dado o fluxo incomum de pessoas frequentando o local e monitoramento das atividades suspeitas praticadas pelo alvo.

No interior do imóvel, os policiais civis encontraram em poder do indivíduo em torno de 60 gramas de maconha, cerca de 30 gramas de crack, bem como a quantia de R$ 1.920,00 em notas fracionadas, dinheiro oriundo do tráfico de drogas.

Diante dos fatos, o homem, que já havia sido preso pela 6ª DEIC ano passado por tráfico de drogas, recebeu voz de prisão.

Tentativa de suborno

Ao ver que seria preso por tráfico, o indivíduo ofereceu pagamento em dinheiro aos policiais civis para que fosse liberado, afirmando que pagaria o valor apreendido e que ainda teria mais dinheiro para entregar aos policiais, que prontamente recusaram.

Assim, além de ser preso por tráfico, ele também, de imediato, recebeu outra voz de prisão por corrupção ativa. O indivíduo foi conduzido até a sede da 9ª Central de Atendimento da Polícia Civil, onde foi autuado em flagrante pelos crimes acima citados. Após a realização dos procedimentos legais cabíveis, ele foi encaminhado à Unidade Penal Regional de Paraíso do Tocantins, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

Para o delegado Antonio Onofre, a retirada de circulação de mais um traficante das ruas auxilia no restabelecimento da paz pública, uma vez que o tráfico de drogas estimula a prática de outros crimes. “A ação realizada pela Polícia Civil nesta quarta-feira em Paraíso, demonstra o comprometimento da instituição com o trabalho investigativo, refletindo em ações de repressão à criminalidade, notadamente de delitos propulsores dos índices de criminalidades, como é o caso do tráfico de drogas, responsável por boa parte das mazelas sociais. A proposta de suborno aos policiais, aliada à reincidência específica no tráfico, evidencia a falta de escrúpulos desses indivíduos para com o Estado, merecendo uma reprimenda mais severa da lei”, frisou a autoridade policial.