Menu
Busca segunda, 20 de setembro de 2021
(63) 99958-5851
Araguaína
36ºmax
23ºmin
POLÍTICA RADICAL

PT reforça segurança do ex-presidente Lula por temer ataques

26 julho 2021 - 15h49

O PT está reforçando a segurança  do ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva (PT). Isso porque ele é pré-candidato a presidência no próximo ano e a sigla teme por atentados contra ele. O partido teme por sua segurança como ocorreu contra o próprio presidente Jair Bolsonaro (sem partido), em 2018, durante sua campanha em Minas Gerais. 

Bolsonaro recebeu uma facada de Adélio Bispo e foi levado às pressas à Santa Casa. As informações são do jornal Folha de S.Paulo.

Embora o tema seja tratado de maneira discreta dentro da legenda, a preocupação existe, principalmente porque hoje há uma radicalização no ambiente político e aumentou com ela, a animosidade de apoiadores do atual presidente da República. 

A apuração da Folha revelou que dirigentes petistas divergiram em aumentar o efetivo de segurança de Lula agora, mas o ex-presidente vetou a proposta. Atualmente, ele conta com uma escolta de quatro agentes da Polícia Federal e dois motoristas em carros oficiais.

Caravana no Paraná

Em 2018, ao realizar uma caravana no Paraná, dois ônibus petistas foram atingidos por quatro tiros. Embora ninguém tenha se ferido, os tiros atingiram os automóveis. 

AO VIVO