Palmas
25º
Araguaína
24º
Gurupi
25º
Porto Nacional
26º
SAÚDE PÚBLICA

Ronaldo Dimas assina carta que busca equalizar tabela SUS de filantrópicos

27 julho 2022 - 11h34

O pré-candidato do PL a governador, Ronaldo Dimas, assinou, nesta terça-feira, 26 de julho, em Palmas, durante visita ao Hospital do Amor, carta aberta da Abics (Associação Brasileiras de Instituições Católicas de Saúde) e várias entidades associadas que a equalização da Tabela do SUS (Sistema Único de Saúde) de procedimentos. A carta pede o reajuste de 100% da tabela do SUS nas parcerias com os hospitais filantrópicos. O reajuste seria para os próximos quatro anos, com a aplicação de 25% por ano. Além disso, a carta pede reposição anual com base no crescimento do PIB (Produto Interno Bruto).

“O Hospital de Amor é uma referência mundial e agora aqui no Tocantins está iniciando o trabalho com esta unidade em Palmas, mas a gente já começou um pouquinho antes trazendo o doutor Henrique Prata e toda a sua equipe a Araguaína. Além do Centro de Especialidade em Reabilitação, também temos unidade móvel para diagnóstico de câncer. É impressionante a qualidade que tem o serviço prestado pelo Hospital do Amor e é impressionante também como sobrevive com uma defasagem tão grande financeira. Então, é mais do que necessário que o poder público se apresente e resolva parte dessa questão. É impossível a gente ter um serviço de qualidade, principalmente atendendo as pessoas com menor poder aquisitivo, sem o Estado participar da divisão adequada dessa conta. Então eu tenho convicção que é possível melhorar essa tabela e fazendo isso nós daremos toda atenção para que a qualidade desse serviço seja cada vez maior e o Hospital de Amor de Palmas seja referência para todo Brasil”, frisou Dimas ao lado do presidente da Pio XII (Hospital do Amor), Henrique Prata, durante visita às instalações do estabelecimento de saúde de Palmas – que está em fase final de obras. Para o pré-candidato, a equalização da tabela é justa e a melhora dos valores conta com o seu apoio.

Estipulada pelo Ministério da Saúde, a tabela do SUS não tem reajuste há 10 anos, o que cria imensas dificuldades financeiras nas instituições filantrópicas do país. Hoje, esses estabelecimentos conveniados com o poder público fazem 70% dos tratamentos contra o câncer (radioterapia e quimioterapia) e 60% dos transplantes.

Henrique Prata fez questão de elogiar Dimas pela parceria com a instituição em Araguaína e destacou que o fato do pré-candidato assinar a carta mostra que ele é um bom samaritano. “Quem se propõe a pegar o paciente na rua e trazer para se cuidar e pagar essa conta é o ‘Bom Samaritano’. Então nós estamos vendo quem são os ‘bons samaritanos’ que vão entrar política e o nosso professor Ronaldo Dimas já tem uma intimidade muito grande com o Hospital do Amor pelo fato que ele foi e nos intimou a assumir a gestão de uma unidade (prédio de UPA) que estava há dois anos pronta, mas inoperante, e transformamos em um centro de recuperação completo”, frisou Prata, ao falar da parceria da instituição com a Prefeitura de Araguaína iniciada nas gestões de Dimas.

Além disso, Prefeitura de Araguaína e Hospital de Amor tem uma carreta circulando no município e na região Norte do Tocantins que faz atendimento preventivo contra o câncer de mama e outros. Quando a investigação aponta a necessidade de ampliação da averiguação, a paciente é encaminhada para o hospital em Palmas.