Palmas
33º
Araguaína
29º
Gurupi
27º
Porto Nacional
28º
COLUNA

Vitrine Cultural

por Dágila Sabóia
ARTEPALCO

Grupo do Tocantins é vencedor de Festival de Teatro no Espírito Santo

28 junho 2022 - 09h58

O Grupo de teatro Artpalco acaba de retornar ao Tocantins, mais uma vez, com a bagagem repleta de troféus. Desta vez, os artistas de Araguaína concorreram com o espetáculo “A Incrível Lenda do Capim Dourado” e faturaram a maior honraria da 22ª edição do Festival Nacional de Teatro de Guaçuí, como Melhor Espetáculo de Teatro de Rua. Esta é a terceira vez que o grupo participa do evento no Espírito Santo, mas a primeira que conquista o maior título da competição.
 
Além de vencerem o Festival pelo júri oficial, o Grupo Artpalco faturou ainda os títulos de Melhor espetáculo de teatro de rua pelo júri popular, Melhor direção para Luiz Navarro, Melhor ator para George Henrique, Melhor atriz coadjuvante Nice Albano, Melhor figurino para Nice Albano e Luiz Navarro e Melhor trilha sonora original para Nice Albano, José  Caetano e João Pedro Albano. O grupo de teatro de Araguaína conquistou ainda as indicações de Melhor atriz para Tatiane Breve, Melhor Cenário, Melhor Maquiagem e Melhor Texto.
 
O festival contou com a participação de mais de 20 grupos de teatro de todo o Brasil, representantes dos estados do Rio de Janeiro, São Paulo, Espírito Santo, Paraná, Minas Gerais e Piauí. A participação do grupo no Festival contou com apoio da Prefeitura Municipal de Araguaína, através da Secretaria Municipal de Cultura.
 
Espetáculo

O espetáculo “A Incrível Lenda do Capim Dourado” é criado para múltiplos espaços e traz em sua essência, elementos, estética e linguagem do teatro de rua, criando dessa forma uma atmosfera propícia para levar ao maior número de pessoas a importância do teatro na formação e informação da pessoa, bem como reafirmar a importância do capim dourado como um bem cultural e econômico para o nosso povo. Com teatro de rua e uma linguagem mambembe, o espetáculo traz lendas fictícias sobre o surgimento do capim dourado, matéria-prima tradicional do artesanato tocantinense.
 
O grupo já possui na trajetória outros importantes conquistas em festivais nacionais de teatro, como o Festival de Teatro Conselheiro Lafaiete (MG), Festival de Teatro de Ubá (BA), o Fringe - Festival de Teatro em Curitiba (PR), Festival Nacional de Teatro de Guaçui (ES), Festival Nacional Ipitanga de Teatro de Lauro Freitas (BA) e Sesc Aldeia Jiquitaia (TO), dentre outros. Esta é a terceira vez que o Artpalco participa e conquista prêmios no Festival de Teatro de Guaçuí, faturando títulos nos anos de 2016 e 2018.
 
Artpalco

O Grupo Artpalco fundado por George Henrique no ano de 2001 nasceu na cidade de Uberlândia (MG), e em 2012, transferiu sua sede para Arguaína (TO), onde desenvolve atualmente suas atividades. São mais de 10 projetos aprovados pela Lei de Incentivo à Cultura do Governo Federal e outros editais nacionais e regionais, como a Lei Aldir Blanc no Tocantins e patrocínios empresariais.

Diversas produções do grupo já garantiram pelo Brasil afora recordes de público e bilheteria. Hoje o currículo do grupo conta com mais de 30 montagens, entre eles grandes sucessos como. "Adolescência", "Apocalipse - Entre o bem e o mal", "A Porção do Amor", "Salada Insana", "Divas Insanas", "Geringonça", "E se a gente se conhecesse outra vez", "O Rei do Lixo", "Outra História de Francisco", "A Incrível Aventura de Janelinha e a Fada do Dente", "As Malditas", "Bullying: Que Bicho é Esse". "Ted, Nina e o Boi do Tempo" e o mega sucesso de público "Casos Insanos", que já levou mais de 70 mil espectadores ao Teatro.

Grandes Premiações e participações em importantes mostras e festivais de teatro também compõem o currículo do Artpalco, como o Fringe - Festival de Teatro em Curitiba (PR), Festival Nacional de Teatro de Guaçui (ES), Festival Nacional Ipitanga de Teatro de Lauro Freitas (BA), Sesc Aldeia Jiquitaia (TO), dentre outros.

Prêmios Artpalco - 22ª edição do Festival Nacional de Teatro de Guaçuí

Melhor espetáculo de rua júri popular.

Melhor direção: Luiz Navarro @luiznavarro

Melhor ator: George Henrique @george.hsilva

Melhor atriz coadjuvante.

Nice Albano @nicealbanopsi

Melhor figurino. Nice Albano e Luiz Navarro

@nicealbanopsi @luizdenavarro

Melhor trilha sonora original. Nice Albano, José  Caetano e João Pedro Albano

@nicealbanopsi @zecaetanomoraes @albano6c

E ainda as seguintes indicações:

Melhor atriz - Tatiane Breve

Melhor Cenário

Melhor Maquiagem

Melhor Texto