Menu
Busca sexta, 25 de setembro de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
35ºmax
23ºmin
INVESTIGAÇÃO

TCE investiga despesas de R$ 834 mil em diárias supostamente irregulares

02 maio 2011 - 18h38

O presidente do Instituto de Terras do Tocantins (Itertins), Luiz Carlos Alves de Queiroz, afirmou ao CT na tarde desta segunda-feira, 2, que auditores do Tribunal de Contas do Estado (TCE-TO) estão no Itertins investigando a legalidade de despesas da ordem de R$ 834 mil em diárias, que envolvem a maioria dos servidores do órgão, durante o ano de 2010.

Segundo o presidente, a média de gastos com diárias em 2009 foi de R$ 170 mil. “O TCE está investigando. Até agora, do presidente aos técnicos, motoristas, todo mundo recebeu diária no ano passado”, afirmou.

Em relação à investigação de denúncias de irregularidades envolvendo titulação de terras, determinada por Queiroz, ele afirmou que o prazo foi prorrogado por mais 60 dias. “São muitas irregularidades. Alguns títulos já foram cancelados. Mas acreditamos que deveremos concluir os trabalhos e apresentar um relatório antes do prazo”, afirmou.(Do Portal CT)

AO VIVO