Menu
Busca segunda, 18 de outubro de 2021
(63) 99958-5851
Araguaína
37ºmax
25ºmin
MITO OU VERDADE

A menstruação realmente para quando se está dentro d'água?

22 junho 2021 - 12h11Por Mega Curioso

Existe algum problema em ir à praia ou entrar na piscina menstruada? Uma questão recorrente para mulheres de diversas idades, a preocupação com o que ocorre com a menstruação em contato com a água é uma dúvida bastante frequente. Dessa forma, é importante saber um pouco mais sobre o que fazer nesse tipo de situação.

Podem ser muitas as dúvidas: o fluxo menstrual interrompe quando se está dentro da água? Se não, qual o melhor tipo de absorvente para usar? Pensando nisso, esse artigo abordará cada um desses tópicos e te dará algumas dicas para aproveitar esses momentos de diversão sem grandes preocupações.

O que ocorre com o fluxo menstrual na água?

Apesar de muitas mulheres acreditarem que o fluxo menstrual simplesmente interrompe quando se está tomando um banho de mar ou desfrutando um tempo na piscina, a verdade não é exatamente essa. Nesses casos, é provável que a menstruação diminua notavelmente, mas não interrompa completamente.

Um dos motivos para isso acontecer está relacionado à temperatura da água. Quando entramos em contato com o líquido gelado, a temperatura fria provoca a vasoconstrição, ou contração dos vasos sanguíneos uterinos. Com menos sangue circulando por essa região, o fluxo menstrual diminui momentaneamente. 

Porém, esse "fenômeno" não dura muito tempo. Assim que a temperatura corporal voltar a regular, o organismo trabalhará para retomar seu padrão de atividade e a menstruação voltará para seu estado normal. Sendo assim, lembre-se sempre de levar um absorvente consigo para evitar maiores problemas.

Qual o melhor tipo de absorvente para essa situação?

Para quem deseja curtir um dia de curtição sem se preocupar com a possibilidade da menstruação vazar pelo biquíni ou sujá-lo, o absorvente interno se apresenta como a melhor solução. Ferramenta bastante útil e prática, o tampão deve ser colocado delicadamente dentro da vagina para ajudar com o fluxo menstrual.

Vale ressaltar que cada absorvente deve ser utilizado no máximo por um período de 8 horas. Entretanto, o ideal é que a troca seja feita em intervalos de 4 horas para elevar a higienização e garantir que a pessoa sempre se manterá limpa e fora do risco de acidentes pelo tempo que desejar.

Por fim, sempre substitua o biquíni molhado por uma peça seca após deixa a água. A umidade nessa região aumenta a possibilidade de proliferação de fungos e surgimento de infecções, prejudicando a saúde da vagina. 

AO VIVO