Menu
Busca segunda, 26 de outubro de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
33ºmax
23ºmin

Secretário apresenta as propostas para o Plano Tocantins sem Miséria

06 outubro 2011 - 16h44

O secretário do Trabalho e da Assistência Social do estado do Tocantins, Agimiro Costa, apresentou as ações que o Tocantins já tem desenvolvido e pretende implementar junto ao Plano Brasil sem Miséria do governo federal. A explanação aconteceu durante o Fórum Nacional de Secretários Estaduais da Assistência Social - Fonseas em Brasília – DF, nesta quinta-feira, 06.

A reunião contou com a presença da Ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Tereza Campello, que tirou as dúvidas dos secretários quanto à execução do Plano. “Só podemos executar as ações desse Plano com a parceria de todos os estados brasileiros. O Plano é muito complexo e amplo e possuirá critérios diversos, porque as realidades dos estados são diferentes, portanto contamos com a participação de cada gestor para nos apresentar as suas demandas e características ao longo da execução das ações”, explicou.

Ainda segundo a Ministra, o papel da assistência social nos estados é primordial para fazer a intersetorialidade das ações, já que o Plano é voltado exclusivamente para os beneficiários e usuários dos programas e projetos sociais, desenvolvidos inclusive, por várias pastas de governo. “Conto com a mobilização dos estados e municípios, pois o nosso primeiro passo será reavaliar e atualizar o nosso Cadastro Único da Assistência Social, esse ponto é fundamental para que todos aqueles que estão dentro dos critérios exigidos, possam ser inseridos nos nossos programas e isso se faz de forma conjunta”. Complementou.

Dentre as ações previstas pelo Plano Brasil sem Miséria está a inclusão produtiva das famílias beneficiárias, com a oferta de cursos de capacitação, também a qualificação profissional com mecanismos de intermediação de mão-de-obra, a transferência de renda, financiamentos para pequenos empreendedores sociais, entre outras ações.

De acordo com Agimiro Costa, o Tocantins já tem avançado nas propostas de ações do Plano. “O governo do Tocantins já tem reunido as secretarias afins para receber as propostas de cada pasta, para que possamos combater a extrema pobreza, como a falta de moradia, saneamento básico, entre outras. Mas já temos ações que estão sendo executadas, como o atendimento à criança e ao adolescente pelo Instituto Pioneiros Mirins, com o Tocantins Sem Fome, que já atendeu este ano milhares de famílias e agora numa ação conjunta está alcançando as comunidades tradicionais, e pretende, futuramente atender as famílias em situação insegurança alimentar e nutricional com um cartão, repassando uma bolsa auxílio, que dá acesso à compra de alimentos”, explicou.

Agimiro Costa informou, ainda, a respeito do financiamento de 50 mil pequenos empreendedores pelo programa Nossa Oportunidade, entre outras ações realizadas em conjunto pelo governo. “A prioridade do governador Siqueira Campos é cuidar do povo, então, o Tocantins não medirá esforços para implantar e executar as ações do Plano Brasil sem Miséria.” Concluiu.

Durante o Fórum também foram tratados da capacitação dos trabalhadores do Sistema Único da Assistência Social, sobre o Pacto de aprimoramento da gestão, que pede prioridade dos estados no sentido da informatização dos dados com a realização de censos, e a regionalização dos serviços sociais.(Da Ascom)

AO VIVO