Menu
Busca sábado, 21 de setembro de 2019
(63) 99292-6165
Araguaína
38ºmax
23ºmin
TOCANTINS

Jovem que matou a namorada com 54 facadas vai a júri popular

06 agosto 2019 - 10h37

O Ministério Público do Tocantins (MPTO), por meio da Promotoria de Justiça de Arapoema, ofereceu denúncia criminal pelo crime de feminicídio contra Sivanildo Mariano de Souza Santos, acusado de ter matado a ex-namorada com 54 facadas. O crime aconteceu em janeiro deste ano nas margens de uma rodovia, em Bandeirante do Tocantins.

A vítima Railene da Silva Oliveira tinha 16 anos de idade e foi brutalmente assassinada após informar a Sivanildo que havia desistido do relacionamento, pois tinha outra pessoa e pretendia mudar de cidade em razão disso. Inconformado, o acusado atraiu Railene até uma rodovia onde, após derrubá-la com um golpe de capacete, aplicou-lhe vários golpes de arma branca, a maioria em áreas letais, num total de 54 golpes, causando a sua morte.

Após matar a jovem, o réu arrastou seu corpo até uma vala às margens da rodovia, para dificultar a sua localização.

Para a prática do crime, o réu utilizou-se de uma motocicleta com adulteração de sinais de identificação (chassi raspado), razão pela qual, além dos crimes de feminicídio e ocultação de cadáver, será também julgado pelo crime de receptação.

Conforme esclarece o promotor Caleb Melo, o feminicídio é uma forma mais gravosa de crime contra a vida, de modo que se espera que seja. O acusado aguarda a marcação de data para a realização do julgamento no tribunal do júri.

Ao Vivo