Menu
Busca terça, 27 de outubro de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
32ºmax
23ºmin
GURUPI

MPE pede reativação de cirurgias no HRG

10 junho 2011 - 10h43

O Ministério Público Estadual (MPE), por meio da 6ª Promotoria de Justiça de Gurupi, recomendou, no último dia 07, à Secretaria Estadual de Saúde, que sejam tomadas providências no sentido de regularizar os atendimentos cirúrgicos eletivos do Hospital Regional de Gurupi (HRG).

Mediante a análise de documentos enviados pela diretoria do Hospital, a Promotoria constatou que cirurgias de várias especialidades foram suspensas, no dia 19 de novembro de 2010, por falta de medicamentos e produtos hospitalares, o que gerou uma fila de espera com mais de 300 pacientes. Conforme o Promotor de Justiça Marcelo Lima Nunes, autor da recomendação, a suspensão das cirurgias está causando sérios prejuízos aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS). “É necessário previnir possíveis prejuízos à saúde coletiva desses pacientes”, ressaltou o Promotor.

Na recomendação, a Promotoria pede que o Secretário de Saúde do Estado promova, imediatamente, todas as medidas necessárias e efetivas no sentido de eliminar a demanda reprimida para agendamento de cirurgias eletivas, atualmente existente no HRG. A Promotoria requer ainda que no prazo de 15 dias a Secretaria de Saúde informe as medidas adotadas para solução dos problemas. "Caso a recomendação seja descumprida, serão adotadas as medidas judiciais cabíveis e o Secretário de Saúde, pela sua omissão, poderá ser responsabilizado por ato de improbidade administrativa", destacou o Promotor.
 

AO VIVO