Menu
Busca sábado, 31 de julho de 2021
(63) 99958-5851
Araguaína
34ºmax
18ºmin
TRÂNSITO

Prefeitura planeja instalação de novos radares em pontos críticos de Araguaína

13 julho 2021 - 13h34

A Prefeitura de Araguaína vai iniciar nesta terça-feira, 13, um estudo de tráfego de veículos nas ruas da cidade para verificar a viabilidade de instalação de novos radares de velocidade, com o objetivo de garantir o cumprimento da velocidade máxima permitida, evitando os acidentes de trânsito em pontos estratégicos da cidade. O trabalho será realizado pela ASTT (Agência de Segurança, Transporte e Trânsito) de Araguaína, com o auxílio de um radar móvel.

O estudo será realizado principalmente nos horários de maior fluxo, quando o radar estático irá contabilizar a quantidade de veículos que trafegam naquelas vias. É importante esclarecer à população que o radar móvel não irá registrar nenhuma multa, a intenção é apenas que o equipamento auxilie na contagem de veículos nos trechos que fazem parte do estudo de tráfego”, explicou o diretor do Departamento de Engenharia e Planejamento da ASTT, Antônio Ferraz Júnior.

O equipamento auxiliar será utilizado durante o mês de julho, em pontos da cidade que ainda não possuem redutores eletrônicos de velocidade e recebem um grande fluxo de veículos diariamente.

Segurança no trânsito
O diretor do Departamento de Engenharia e Planejamento da ASTT também explicou a importância do uso de radares eletrônicos para garantir a segurança no trânsito. De acordo com ele, a alta velocidade é uma das principais causas de acidentes.

A instalação desses equipamentos reduz drasticamente o número de colisões no local, a intenção é preservar a segurança de todos os grupos que fazem parte do trânsito, incluindo pedestres e ciclistas”, destacou o diretor, Antônio Ferraz Júnior.

Além da instalação dos redutores de velocidade, a Prefeitura de Araguaína tem executado uma série de obras para melhorar a infraestrutura das ruas da cidade e garantir uma infraestrutura adequada para a população.
Entre as ações estão o investimento de R$ 350 milhões com o Projeto de Saneamento Integrado Águas de Araguaína, financiado pelo CAF - Banco de Desenvolvimento da América Latina, aplicado em obras de pavimentação asfáltica, implantação de calçadas com acessibilidade e sistema de drenagem da água das chuvas que irão garantir a prevenção de alagamentos das ruas, maior mobilidade urbana e acessibilidade para idosos, pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida, por meio de calçadas niveladas, instalação de rampas e piso tátil.

AO VIVO