Menu
Busca sexta, 05 de março de 2021
(63) 99958-5851
Araguaína
31ºmax
22ºmin
PANDEMIA

Tocantins dá início à campanha de vacinação contra a Covid-19

19 janeiro 2021 - 08h25Por Redação

A campanha de vacinação contra a Covid-19 já começou no Tocantins e três pessoas pertencentes aos grupos prioritários foram imunizadas em solenidade realizada pelo Governador Mauro Carlesse nesta segunda-feira (18), no Laboratório Central do Estado (Lacen).

Ao todo, chegaram 44 mil doses da vacina CoronaVac ao Estado, que serão usadas na aplicação das duas doses de imunização. Os grupos prioritários da primeira fase são os profissionais da saúde, população indígena vivendo em terras indígenas e idosos com 60 anos ou mais, que estejam vivendo em instituição de longa permanência.

Uma emoção muito grande, principalmente por já ter contraído o vírus e agora ter a oportunidade de ser vacinada. Agradeço a Deus e ao Governo do Estado que sempre se empenhou para que esse momento fosse concretizado”, comemorou a enfermeira Edileuza Ferreira dos Santos (52 anos), que atua na linha de frente no Hospital Regional de Gurupi e foi a primeira tocantinense vacinada.

A segunda pessoa a ser vacinada foi a técnica em enfermagem do Hospital Geral de Palmas (HGP), Jocília Tito Barbosa, que permaneceu na linha de frente no combate à doença, mesmo sendo do grupo de risco.

A sensação foi maravilhosa em saber que estamos iniciando uma campanha desse porte, que representa a esperança para os colegas e para a população. Essa data é histórica e temos que agradecer a Deus e aqueles que lutaram para que esse momento fosse concretizado”, disse Jocília.

Ainda houve a vacinação simbólica de José Arnaldo (30), da etnia Xerente e da Aldeia Funil, localizada em Tocantínia.

Plano de Imunização

O Tocantins foi um dos primeiros estados a apresentar um Plano Estadual de Imunização contra o Covid-19. Segundo a Secretaria Estadual de Saúde, o estado dispões de um estoque de seringas e de uma logística planejada para agilizar a entrega das doses em todos os 139 municípios.

O Secretario de Estado da Saúde, Edgar Tollini, explicou que as dores serão usadas na aplicação das duas primeiras doses e que a expectativa é que novos lotes sejam enviados em um curto espaço de tempo, para atender aos demais participantes dos grupos prioritários.

As vacinas serão enviadas imediatamente para os municípios e que eles é que serão responsáveis pela aplicação e pela escolha dos grupos prioritários. Para facilitar a logística, em Palmas e Araguaína foram criados dois centros de distribuição. “Cada município tem a responsabilidade por seus cidadãos e com as pessoas dos grupos prioritários”, contou o Secretário.

A expectativa é vacinar a maior parte da população tocantinense ainda neste semestre.

 
AO VIVO