Menu
Busca sexta, 20 de setembro de 2019
(63) 99292-6165
Araguaína
36ºmax
23ºmin
ToledoFibra
INVESTIGAÇÃO

Suspeito é preso após esconder droga e dinheiro em matagal

24 julho 2019 - 08h54

A Polícia Civil do Tocantins, com apoio da Polícia Militar, deu cumprimento, no final da tarde dessa segunda-feira (22), ao mandado de prisão preventiva expedido contra um indivíduo de iniciais R. A. A., de 24 anos, que é investigado por tráfico de drogas e associação para o tráfico.

A prisão é resultado de trabalho investigativo realizado nos últimos meses, sendo que, em 29 de junho, após o cumprimento de dois mandados de busca e apreensão em imóveis utilizados pelo investigado, surgiram informações de que poderia haver substâncias entorpecentes em um local ermo, de vegetação fechada, situado a alguns metros de uma das residências e que pertenceria ao suspeito.

Com base nas informações apuradas, após a realização de buscas no local, com o auxílio de cães farejadores, os policiais civis localizaram entre folhas, uma sacola plástica contendo porções de maconha e crack, devidamente embaladas, cerca de R$ 3.300,00 em espécie, além de embalagens plásticas para acondicionamento das drogas, todos prontamente apreendidos pelos policiais. Ainda durante a ação, os policiais também localizaram e apreenderam cadernos de anotações pertinentes à atividade de traficância e aparelhos celulares.

Apurou-se, posteriormente, que os referidos itens ilícitos eram de propriedade de R. A. A. e de um comparsa, razão pela qual, a autoridade policial representou, junto ao Poder Judiciário, pela sua prisão preventiva, que foi deferida pelo juízo da Comarca de Miranorte. De posse da ardem judicial, os policiais intensificaram as investigações, localizaram o indivíduo e deram cumprimento ao mandado.

Após ser capturado, R. A. A. foi conduzido até à sede da Delegacia de Polícia Civil de Miranorte e, após a realização dos procedimentos legais cabíveis, recolhido à Cadeia Pública daquela cidade, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário. Às investigações terão continuidade com o objetivo de apurar demais circunstâncias do crime.

As diligências de busca e apreensão realizadas pela Delegacia de Polícia Civil de Miranorte contaram com o apoio da Polícia Militar, através de policiais da 6ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM), Grupo de Operações com Cães (GOC) e Comando de Operações Especiais (COE).  

Ao Vivo