Menu
Busca sexta, 20 de setembro de 2019
(63) 99292-6165
Araguaína
36ºmax
23ºmin
ToledoFibra
VIOLÊNCIA

Mãe vive momentos de desespero em Araguaína ao ter o carro roubado com sua filha de dois anos dentro

28 junho 2019 - 22h40

A mãe de uma criança de apenas 2 anos passou por momentos de desespero na noite dessa sexta-feira (28), em Araguaína, Norte do Estado, quando ela teve seu carro roubado com sua filha dentro. 

Segundo informaçõres preliminares, o caso aconteceu na região central da cidade, quando a mulher de 36 anos acompanhada da babá de 38 anos e de sua filha, foram até uma escola particular entregar um material a outro filho dela que estuda em uma escola particular localizada na Marginal Neblina no setor Noroeste e estava participando de um evento na escola, oportunidade em que o criminoso que estava de bicicleta, se aproximou do carro VW Saveiro que estava parado e abordou a babá que estava dentro do veículo junto com a criança fazendo menção de que estava armado. 

O bandido expulsou a babá do carro e saiu em alta velocidade com a criança dentro do veículo. A Polícia Militar foi acionada e imediatamente deu início às buscas na tentativa de localizar o veículo em fuga. 

De acordo com a PM, o ladrão abandonou a criança na Rua 2 do setor Rodoviário, próximo ao prédio do Caps (Centro de Atenção Psicossocial) e continuou a fuga mas acabou se envolvendo em um acidente onde colidiu com outros dois veículos, um VW Gol e um Nissan Kicks. A motorista do Gol sofreu uma fratura em um dos braços, foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhada para o Hospital Regional de Araguaína (HRA). 

Já o assaltante, abandonou o carro roubado e fugiu à pé, contudo um dos seguranças da empresa Alerta Monitoramento que fica próxima ao local, percebeu o momento em que o suspeito se escondeu em um lote baldio. Ele avisou a polícia, o terreno foi cercado e o homem preso em flagrante. 


(Portal O Norte)

A criança foi encontrada e entregue à mãe que estava aflita com o sumiço da filha. Já o ladrão foi levado para a Delegacia de Plantão para os procedimentos cabíveis e deve permanecer encarcerado à disposição da Justiça para responder pelos crimes praticados.

O caso foi repassado para a Polícia Civil para dar prosseguimento às investigações. 

Ao Vivo