Menu
Busca domingo, 15 de setembro de 2019
(63) 99292-6165
Araguaína
37ºmax
23ºmin
ToledoFibra
MENOS DE 2 DIAS

Mais uma familia é encontrada morta dentro de casa no Tocantins

28 julho 2019 - 17h42

Mais uma tragédia atingiu uma família no Tocantins, dessa vez o caso aconteceu em uma propriedade rural de Pedro Afonso, região Central do Estado, onde um casal e sua filha foram encontrados mortos na noite deste sábado (27). 

Os corpos de José Miguel Dama (65 anos), Maria Nazaré Barbosa Pereira Dama (55 anos) e Ester Barbosa Dama (21 anos), foram achados em uma chácara que fica a cerca de 14 quilômetros de um local conhecido como vila Mata Verde.

As primeiras informações indicam que os corpos estavam em avançado estado de decomposição e nas vítimas haviam marcas de violência (hematomas e sangramentos na cabeça) possivelmente provocadas por um instrumento de ferro. A polícia acredita que as vítimas foram assassinadas há pelo menos dois dias. 

Segundo a Polícia Miliar, a casa em que a família estava foi encontrada revirada com móveis e roupas espalhados pelo chão. Além disso, uma bolsa, celular e outros objetos foram achados jogados do lado de fora da residência. 
 
A perícia foi chamada e após procedimentos os corpos foram encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML) de Palmas e o caso está sendo investigado pela Polícia Civil de Pedro Afonso. 

A família evangélica, era de Miracema do Tocantins onde eles devem ser sepultados. Ester Barbosa filha do casal, era estudante de Letras do Instituto Federal de Educação (IFTO) em Palmas e estava concluindo o curso.

Outro caso

Um outro caso chocante aconteceu na semana passada no Tocantins, quando uma família foi encontrada morta na sexta-feira (26), dentro de uma casa em Silvanópolis, região sudeste do Estado. Pai, mãe, filha e duas netas morreram a tiros. A família era do Maranhão e morava há cerca de 3 meses no Tocantins. 

Sobre esta tragédia, a polícia trabalha duas linhas de investigação: uma delas é de que o marido tenha matado, esposa, filha e netas e depois cometido suicídio. Outra hipótese aponta que o crime pode ter outros envolvidos. 

A família foi velada nesse sábado (27) e os corpos foram levados para Alto Alegre do Maranhão para serem sepultados neste domingo.

Ao Vivo