Menu
Busca sexta, 28 de fevereiro de 2020
(63) 99292-6165
Araguaína
31ºmax
22ºmin
ToledoFibra
NA FRENTE

Araguaína é dono da segunda maior renda da terceirona

26 julho 2011 - 20h55

O Araguaína mostrou porque é considerado o clube de maior torcida do Tocantins. Na rodada de estreia do Campeonato Brasileiro Série C, o representante do estado ficou em segundo lugar com a melhor média de público e renda dos oito jogos disputados na primeira rodada do certame. O público pagante do Mirandão na estreia do time contra o Paysandu foi de 3.212 pessoas com uma arredação de R$ 63.895,00.

O destaque negativo foi o vice-campeão paulista de 2010, o Santo André-SP, que teve o menor público e consequentemente, a menor renda da rodada.No Bruno José Daniel, apenas 534 pessoas paragaram para assistir a derrota do time do ABC para o Brasil de Pelotas-RS por 3 x 2. A arrecadação da partida foi de apenas R$ 4.225,00.

O campeão de bilheteria foi o CRB-AL que levou 7.666 torcedores ao estádio na partida contra o Fortaleza-CE. O time alagoano foi o dono da maior renda com R$ 102.080,00 arrecadados. A média de público da primeira rodada da Série C foi de 2.644 torcedores. A arrecadação média ficou em R$ 31.146,50 de acordo com a Confederação Brasileira de Futebol. (Do Arena do Touro)


Públicos da primeira rodada do Campeonato Brasileiro Série C.
7.666 – CRB 1×1 Fortaleza
3.212 – Araguaína 0×1 Paysandu
2.996 – Guarany de Sobral 2×0 Campinense
2.529 – Brasiliense 1×0 Madureira
1.624 – Caxias 2×2 Chapecoense
1.351 – Macaé 2×2 Marília
1.243 – Águia de Marabá 1×0 Luverdense
534 – Santo André 2×3 Brasil de Pelotas

Rendas da primeira rodada do Campeonato Brasileiro Série C

R$ 102.080,00 – CRB 1×1 Fortaleza
R$ 63.895,00 – Araguaína 0×1 Paysandu
R$ 29.654,00 – Guarany de Sobral 2×0 Campinense
R$ 19.060,00 – Caxias 2×2 Chapecoense
R$ 18.255,00 – Águia de Marabá 1×0 Luverdense
R$ 6.323,00 – Brasiliense 1×0 Madureira
R$ 5.680,00 – Macaé 2×2 Marília
R$ 4.225,00 – Santo André 2×3 Brasil de Pelotas

AO VIVO