Menu
Busca segunda, 26 de outubro de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
33ºmax
23ºmin
INVESTIGAÇÃO

Cunhados são presos após tiroteio que deixou quatro pessoas feridas em festa

28 julho 2020 - 19h34

Dois jovens de 21 e 22 anos foram presos pela Polícia Civil nessa terça-feira (28), suspeitos de promover tiroteio em festa. Atentado deixou quatro pessoas feridas. 

O caso foi registrado em São Miguel do Tocantins, no extremo Norte do EStado, na noite do dia 3 de março deste ano. Segundo apurado nas investigações, a dupla estava em uma motocicleta de cor vermelha, quando chegou em uma praça no centro da cidade onde estava sendo realizada uma festa. Um deles desceu do veículo, sacou uma arma de fogo e efetuou dois disparos contra outro homem que estava no local e caiu no chão. Em seguida, o autor se aproximou da vítima e efetuou outros disparos, no entanto, a arma falhou, momento em que populares tentaram segurar o agressor.

 

Ao ver seu comparsa já sendo agredido, o segundo suspeito desceu da motocicleta, sacou uma arma e passou a efetuar disparos em direção a multidão que estava no local, sendo que, na ocasião, três pessoas foram atingidas pelos tiros. Logo após a prática dos crimes, os dois homens conseguiram fugir tomando rumo ignorado.

Tão logo foi informada dos fatos, a Polícia Civil iniciou as investigações e passou a diligenciar e ouvir testemunhas para esclarecer o crime. Após alguns dias de investigações, os policiais civis identificaram os dois homens, os quais são cunhados e foram apontados como os autores do crime. Ainda no decorrer das investigações, os policiais civis descobriram que o crime pode ter sido motivado por uma briga que a vítima teve com um dos autores alguns dias antes do fato.

Desse modo, a autoridade policial representou junto ao Poder Judiciário pelas prisões preventivas dos dois homens, as quais foram deferidas e cumpridas nessa terça-feira em suas respectivas residências. Depois de realizadas as providências legais cabíveis, os dois indivíduos foram recolhidos à Cadeia Pública de Araguatins, onde permanecerão à disposição do Poder Judiciário. 

 

AO VIVO